Jump to content

Leaderboard


Popular Content

Showing content with the highest reputation since 09/12/2017 in all areas

  1. 4 points
    Sabemos que controlar versões, revisões, etc de ROMs é um trabalho extremamente chato quando temos sets de diversos sistemas de dump, versões de regiões diferentes, etc.e buscamos ter somente a melhor versão de cada jogo pra coleção. Vi um guia que usa o ClrMAMEpro, que além de ser bem complicado pra mexer, não deu o resultado que esperava. Então parti pro RomCenter que é infinitamente mais fácil. Sem mais delongas, vamos ao tutorial: O que você vai precisar: 1. Um set de ROMs. Sugiro que use um set limpo (de um grupo de dumpagem como GOODTOOLS, NOINTRO, etc), sem misturar de ROMs de grupos diferentes. Faça um backup antes de prosseguir! 2. O RomCenter; 3. Um arquivo de database PARENT/CLONE do sistema a ser limpo. Recomendo o do DAT-o-MATIC (selecione o sistema na combo box que vêm com "Nintendo - Nintendo DS" como padrão). Dezipe-o em qualquer pasta. Detalhe: O set da DATOMATIC serve pros dumps do No-Intro. Se você usar um set de outro grupo, vai precisar de um database específico daquele grupo. Como fazer a limpeza: 1. Abra o RomCenter e vá em ARQUIVO -> NOVO -> CARREGAR A LISTA DE JOGOS DE UM ARQUIVO DE DADOS e selecione o arquivo que você dezipou acima. Aparecerá uma caixa solicitando que você confirme a criação de uma nova base dados. Confirme e escolha um lugar pra salvar o arquivo de base do RC; 2. Vá em ARQUIVO -> ADICIONAR O CAMINHO DA ROM (ou clique no primeiro botão da barra de ferramentas) e selecione a pasta que estão suas ROMs daquele sistema; 3. Vá em ARQUIVO -> PREFERÊNCIAS (ou clique no botão com um chip). Na aba Romsets, selecione "Manter só um jogo por set (1G1R)". Na aba Lançamentos, marque "Usar os lançamentos" e escolha sua ordem preferida para manter as ROMs. Aqui eu usei a sequência de USA, BRA, JAP, EUR. 4. Selecione Arquivos da ROM no frame principal. Vá em ROMS -> REMOVER ARQUIVOS INÚTEIS. Pronto! O RomCenter irá remover todas as ROMs duplicadas e com mais de uma região. ROMs beta e outras não inseridas no database (como traduções, hacks e etc) serão removidos. Basta utilizar seu set limpo no seu frontend ou emulador predileto. Se alguém quiser seguir o tutorial do clrmamepro: https://www.reddit.com/r/RetroPie/comments/5njtvs/guide_how_to_trim_your_romset_of_duplicate_roms/
  2. 4 points
  3. 3 points
    Olá, Esse biscoito/bolacha virou uma merda... não é nem sombra do que já foi um dia.
  4. 3 points
    Não sei se vocês viram mas a arte Criança Viada aí é baseada em um site, como o mesmo nome, onde os homossexuais postam suas próprias imagens da época de criança com poses que já davam a entender que não eram héteros. Desse ponto de vista cai mais ainda o argumento de incentivo a pedofilia.
  5. 3 points
  6. 3 points
    Eu pagaria rindo e batendo palmas os 80 dólares do aparelho só pelos 2 controles lol
  7. 3 points
    Santander doou R$ 34,2 milhões via Lei Rouanet para projetos ligados ao próprio banco http://www.ilisp.org/noticias/santander-doou-r-342-milhoes-via-lei-rouanet-para-projetos-ligados-ao-proprio-banco/ E vc ai preocupado com exibição de pedofilia.
  8. 2 points
    Assista o trailer de “1983: O Ano dos Videogames no Brasil”, documentário com o início dos games no Brasil Foi divulgado o trailer oficial de “1983: O Ano dos Videogames no Brasil“, documentário que contará a origem dos videogames aqui no Brasil, que foi produzido junto com Marcus Vinicius Garrett Chiado. O documentário será exibido gratuitamente neste sábado no MIS – Museu da Imagem e do Som, em São Paulo, trazendo informações, vídeos e entrevistas com diversas personalidades da indústria nacional e internacional que estiveram envolvidas na popularização dos videogames desta época. Das entrevistas, podemos citar o Stefano Arnhold, hoje presidente da Tectoy, mas que na época estava na Sharp (onde eles trouxeram o Intellvision para o Brasil), Sergio Vares, do site Intellivision Brasil, Kazuaki Ishizu, da SpliceVision e o Nolan Bushnel, criador do Atari e praticamente um dos pais do videogame. Eles também conversaram com o Maurício Arditti, da Gradiente/Polyvox e o responsável por trazer o Atari, e depois a Nintendo, ao Brasil. Assista o trailer completo: Além do MIS, o documentário também será exibido em outros locais. Você pode ficar por dentro do cronograma de exibição no Facebook oficial do projeto. Outros trechos do documentário também podem ser acessados no canal da Zero Quatro Mídia no Youtube, acessando neste link! http://blogtectoy.com.br/assista-o-trailer-de-1983-o-ano-dos-videogames-no-brasil-documentario-com-o-inicio-dos-games-no-brasil/
  9. 2 points
    Vamos aos fatos: Na verdade não é um site, é um tumblr (blog de imagens). Esse tumblr já estava desativado desde maio de 2014 pelo seu criador que falou que não postaria mais pois já tinha se dado por satisfeito. O que aconteceu? Com a repercussão dos acontecimentos, cristãos com suas tochas acesas denunciaram ao tumblr o blog de incitar a pedofilia. O tumblr desativou o blog para averiguar. O tumblr reativou o blog pois não achou nada de mais. Os homossexuais entraram em contato com o criador pois pela repercussão agora querem apoiar com suas fotos de criança no blog. Resultado final: O dono do tumblr reativou o mesmo e agora com material infinito pra postar... http://criancaviada.tumblr.com/
  10. 2 points
    Bem dessa @Mega. muita gente interpretando a arte conforme a sua cabeça. Eu não vi nada sobre pedofilia ali.
  11. 2 points
    Todo mundo sabe que o Santander é comunista Só para concluir, promotor passou pela exposição e não viu nada que pessoal que acredita na terra plana viu não... http://zh.clicrbs.com.br/rs/entretenimento/arte/noticia/2017/09/queermuseu-nao-houve-pedofilia-avalia-promotor-de-infancia-e-juventude-de-porto-alegre-9896441.html#showNoticia=fkZKd0M5b3Q1ODc4NDgzNjE0Mjk0ODc2MTYwZixKNjk0OTkzMTg1NzA3OTY2OTA1NGx2KTU1Mjk0NjU2MzgyODk5MzIyODgjeGdadm04dHY1Kzc3d0plR3Y=
  12. 2 points
    uhauhhauhuahhuauhauahhauhuauhahuahhuahhuauhuahauhauhuahauahuahuahuahauhauauauahauhaahau mano bem vindo...mande msg p o User Agentman ...ele sabe tudo disso ai ok..
  13. 2 points
    Seus gay. achei q aqui era um lugar serio.
  14. 2 points
    axo q naum rsrsrsrrssrsrsrsrsrrssrsrsrsrrsrssr
  15. 2 points
    quarto: tome vergonha na porra da cara e compre um mega drive de verdade
  16. 2 points
    Electronash atualmente esta trabalhando em um pequeno hardware permitindo a conexão HDMI no Dreamcast. Nas últimas semanas, nós temos mais informações mais sobre este adaptador que aumenta a sua funcionalidade. Em vez de sair o sinal de vídeo analógico (VGA ou RGB ou S-Video) para converter o então HDMI (com um conversor-upscaller) que pode produzir atrasos e uma ligeira perda de qualidade, o adaptador irá produzir um sinal digital (HDMI) nativamente. As resoluções nativas atualmente suportados são 240p, 480p e 576p, mas Electronash irá adicionar um adaptador SD RAM para permitir a sua upscale para 720p e 1080p e também efeitos adicionais. O hardware inclui saídas de áudio, e permitir que filmes formato MKV rodem em 1080p via USB. Electronash diz trabalhar sobre a compatibilidade com o GD-EMU e gostaria de acrescentar suporte a WiFi. Finalmente o adaptador será lançado com um controle remoto. Você pode encontrar diferentes vídeos feitos por Electronash, na sua conta do Youtube
  17. 2 points
    SEGA Dreamcast: Collected Works é a história definitiva do Dreamcast. Produzido em colaboração com o SEGA. Este livro grande de luxo apresentará uma coleção deslumbrante de materiais nunca antes publicados e editorial especialmente encomendado, oferecendo uma visão sem precedentes sobre a criação do console Dreamcast e sua célebre biblioteca de jogos. O projeto entrou no Kickstarter e pode ser acessado neste link:
  18. 2 points
    Comprovado: 2D bem-feito é muito melhor que 3D meia-boca.
  19. 2 points
    Não é bicicleta, patinete, skate, não é essas porra não... é um XBOX ONE PORRA VOVÔ!
  20. 2 points
    Olá, Na boa... esse tiozinho do video já está deixando de ser um herói voluntário que consertou um problema para se tornar um garoto-propaganda-paga-pau-da-tec-toy. Respeito por ele agora só cai a cada vídeo.
  21. 2 points
    O mais legal é que o Chesterton, Mr Paradoxo, direcionava a arte para questionar o status quo das coisas, inclusive religião. E nesse escarcéu todo sobre a exposição, é justamente isso que está acontecendo: estão discutindo o status quo das coisas!
  22. 1 point
    ria Ao contrário do que muitos pensam, trabalhar com desenvolvimento de games nem de longe é tão legal e divertido quando ilustram. Estúdios de grande e médio porte, principalmente os que mantém contratos com distribuidoras de renome e são responsáveis por franquias de sucesso ou outros títulos AAA são empresas como qualquer outra, que visam o lucro e têm contratos a cumprir. A pressão exercida sobre os desenvolvedores, roteiristas, animadores, programadores e outros profissionais muitas vezes passa dos limites do aceitável, e já vimos vários casos e denúncias nos últimos anos. Um dos mais notórios envolveu a Team Bondi, o antigo estúdio independente australiano responsável por L.A. Noire. Denúncias colhidas na época do lançamento revelaram que o fundador Brendan McNamara havia entrado em modo ditador, fazia da vida dos colaboradores durante o processo de desenvolvimento um inferno e mais, ele sequer se preocupou em desmentir os relatos depois. Pouco tempo depois tivemos os relatos sobre as práticas autoritárias dentro da Konami, corroborados pelo tratamento um tanto vexatório imposto a Hideo Kojima quando Metal Gear Solid V: The Phantom Pain foi lançado, e para fechar o pacote a roteirista e produtora Amy Hennig, ex-Naughty Dog e hoje na Visceral Games desceu a lenha no comportamento padrão da indústria, que impõe altas cargas de trabalho de horários insanos aos profissionais em geral, que basicamente não têm vida própria. Em geral a prática de crunching (exigir tarefas e carga horária além do acordado dos funcionários) é prática comum no mundo corporativo no exterior, visto que para o bem ou para o mal nossas leis trabalhistas são muito mais rígidas quanto a jornada de trabalho e competências (ainda que abusos ocorram frequentemente). Com o mercado de games não é diferente, ele lucra mais do que Hollyhood e distribuidoras pressionam estúdios para sempre manterem os prazos e continuarem lançando títulos AAA de sucesso de crítica e público, de modo a vender o máximo possível. Os estúdios, na maioria das vezes preferem sacrificar seus colaboradores a pedirem prazos mais longos, cortarem o escopo ou flexibilizar o desenvolvimento. E claro, o desenvolvedor é quem se lasca mais. Se o hoje conceituado Tim Schafer defende um desenvolvimento mais humano na indústria de games, ele o faz com conhecimento de causa: o fundador da Double Fine começou sua carreira na LucasArts e ele conta em entrevista que no início achava normal que ele, Ron Gilbert e outros que trabalharam em clássicos como The Secret of Monkey Island tivessem cargas horárias de 70 horas semanais, mas quando sentaram e calcularam que sua hora de trabalho não passava de US$ 3,50 viram que algo estava muito errado. Schafer conta que como muitos outros profissionais já relataram, o crunching prejudicou sua vida pessoal ao ponto de demolir seu primeiro casamento, que não durou mais que um ano: “Você não percebe o que está acontecendo ao seu redor, que você está prejudicando sua vida pessoal por estar no trabalho o tempo todo (…). Você pode ter a intenção de que o resto do mundo espere por você, mas ele não fará isso necessariamente. Eu estava muito empolgado na época e se você pensa que alguém vai esperar por você e tolera-lo por não estar por perto… bem, as pessoas seguem em frente.” Schafer conta também que há o caso do crunch parcialmente inevitável, principalmente quando o estúdio é pequeno e contas precisam ser pagas. Quando ele fundou a Double Fine e precisou pegar um empréstimo de US$ 250 mil para custear o desenvolvimento de Psychonauts, depois que a Microsoft cancelou os planos de publica-lo como um exclusivo do Xbox 360 (ele foi posteriormente acolhido pela Majesco) o pensamento de exceder horas e trabalhar mais do que o recomendado voltou a assombra-lo: em determinado momento a criatividade, segundo o produtor havia dado lugar a um processo quase obsessivo de caça a bugs ao invés do de criação, enquanto a vida fora do estúdio… bem, não existia (pratos e roupas sujas acumulados, ausência junto à família e outras coisas segundo Schafer). Hoje Schafer faz da Double Fine um estúdio que privilegia a criatividade e condena o crunching, ao dizer que importa a ocasião é uma prática “antiquada e mal orientada” e que independente dos motivos (pressão das distribuidoras, falta de dinheiro, prazos apertados) jogar os funcionários contra as pedras de modo a pressiona-los “só fará com que eles sejam dilacerados”: ainda que os resultados sejam aparentemente satisfatórios (ou nem isso, vide como a franquia Assassin’s Creed perdeu qualidade ao longo dos anos) os estúdios acabam com profissionais emocional e fisicamente devastados, e isso não é vantagem para ninguém. Fonte: Lattice. http://meiobit.com/372208/tim-schafer-critica-pratica-crunching-industria-games-pressao-excessiva-desenvolvedores-por-resultados-melhores-games/
  23. 1 point
    no meu tempo o sonho de consumo era esse porem eu tinha um desse: e esse aqui provavelmente destruia qualquer um desses que a treco troll colocou no mercado (porem so os elites tinham):
  24. 1 point
    A força de trabalho da China é composta em sua maioria de de mão-de-obra semiescrava pra indústria (chão de fábrica). Não tem como comparar ambos os mercados.
  25. 1 point
  26. 1 point
    Pessoal, desculpe se desagradei vocês de alguma forma, mas as coisas estão corridas por aqui e como a informação já está toda pronta, à distância de um clique, não imaginei que seria problema. Teremos um estande na Brasil Game Show deste ano, então estamos super corridos para organizar tudo à tempo. Quanto a ser um lançamento para modinhas, não sei nem o que dizer. O jogo é voltado para colecionadores. Quem quer apenas jogar, pode baixar a iso gratuitamente e jogar, então não teria muita razão para comprar o game. E 90% do público que compra é de estrangeiros. Gostaríamos que fosse diferente, até porque, todos os documentos são em português (à exceção de um cartão que possui versão em inglês e português). Mas fiquei curioso sobre o que você gostaria de dizer e não disse para ofender. Críticas são importantes para que possamos melhorar e evoluir, então aceitaria a sua numa boa O FAQ que fizemos responde bem a praticamente todos os questionamentos. Qualquer outra dúvida que tenham, estou à disposição: 1. O que vocês podem nos dizer sobre a qualidade desse lançamento?Os CD´s serão produzidos de forma profissional (prensados) com impressão de alta qualidade. A caixa é similar à original de papelão utilizada no lançamento do jogo de 1995. A mesma coisa se aplica ao manual de instruções. O poster e o folder também serão impressos em alta qualidade.2. As semelhanças são tão grandes que é possível confundir este do lançamento original de 1995?Não. Todos os itens incluídos no pacote possuem marcas, logos e informações que o fazem únicos, com distinção evidente do raro lançamento de 1995.3. Qual o format do CD: NTSC or PAL?O CD tem format NTSC, padrão norte-americano, exatamente como na versão lançada em 1995 aqui no Brasil.4. Qual a linguagem usada na caixa e no manual de instruções?Ambos estão com as informações em português, assim como era na versão de 1995.5. E quanto a linguagem utilizada no jogo?O jogo é totalmente em inglês, usando seu áudio original, não possuindo legendas. 6. O jogo Fahrenheit requer o uso primeiro da versão Sega CD para somente depois inserir a versão para 32X a fim de que o jogo funcione. O Surgical Strike funciona da mesma maneira?Não. A versão 32XCD de Surgical Strike funciona sozinha, não necessitando da utilização da versão para Sega CD.7. Vocês pretendem disponibilizar a imagem / iso do jogo para o público?Sim. A imagem do jogo será disponibilizada gratuitamente ao público no dia do lançamento do jogo – 15/08/2017.8. Este é um lançamento oficial do jogo?Não. Trata-se de uma homenagem ao jogo e à história do 32X. Como a marca registrada de Surgical Strike está morta, e que se tem notícia da existência de apenas duas cópias do jogo original, achamos que a comunidade do 32X apreciaria muito a possibilidade de poder ver, jogar e ter este jogo. Somos colecionadores de 32X também, e passamos a vida procurando por uma cópia deste jogo. Agora que finalmente a temos, sentimos a necessidade de dividir essa alegria com todos.
  27. 1 point
    comprei uma vez um xbox 360 com esse super recruta, e o cara foi um lixo pra prestar assitencia. O xbox funcionou durante 1mes, e depois fui reclamar, e o cara me passou o numero de um tecnico, e disse pra eu me acertar com o tal. nunca mais compro nada com esse pilantra.
  28. 1 point
    Cara, acho que tu não acompanha o cara do MBL, função dele é desinformação e torrar saco alheio, um provocador de marca maior. Certo que prof. não tem sangue de barata e não aturou esse puto. Ai bom moço ai, um dia posta defendendo direito nazista nos USA : Com terraplanista vai ser sempre assim, se discussão fosse sobre coletivos queer que dizem que amor não tem idade ou que vestir rosa e brincar de casinha te torna feminino, logo tem que fazer operação em criança, de boa eu discutia e provavelmente iria de encontro com as pessoas que são contrárias a esses pederastas, mas rage pq não tem um Maomé sendo zoado em exposição de arte é demais para minha cabeça...
  29. 1 point
    Peixe urbano ainda é aquele esquema de compra coletiva? Eu não compraria ai e também nunca ouvi falar na outra loja. Paga um pouco mais caro, mas compra de lojas recomendadas pelo pessoal. R$ 1.300 no boleto: http://www.superrecruta.com.br/consoles-xbox/consoles-xbox/one-xbox-minecraft-bundle-500gb.html R$ 1.250 no boleto: https://www.izzygames.com.br/xbox-one-s-500gb--forza-horizon-3-bundle-microsoft
  30. 1 point
    Two possibly previously unseen Saturn prototypes just appeared on a Facebook group. (Take it with a grain of salt!) Prototipos de Sega Saturn. Según la información de la que dispongo existen 4 en todo el mundo. Se enviaron 2 a Sega Europa y otros 2 a Sega America para decidir el aspecto final de la Saturn. Se muestran modelo A y C (No hubo B al parecer). Lógicamente, se puede ver quien gano. Jeje. Son una pieza de museo, que antes de subir a eBay, prefiero que se lo quede alguien de aqui. Aunque no dudo que seguramente obtenga bastante mas. Las vendería con el compromiso de mantenerlas y no venderlas lógicamente. No las vendería si no tuviese una razón de peso. Si alguien quiere las 2 podemos ver el precio, pero en principio el precio es por unidad. Estas dos piezas deberían ser maquetas o prototipos de la carcasa de la consola de SEGA. En los comentarios, la persona que las pone a la venta confirma que no son funcionales, que dentro no tienen la circuitería necesaria y todo lo demás para ser una consola de verdad, al parecer serían diseños preliminares del aspecto de la carcasa que tendría la consola. Y bueno, lo que supongo que os está rondando ya la cabeza. ¿Son o no son auténticos? Pues esa es la clave. Yo me aventuro modestamente a decir que sí que lo son. No conozco al usuario ni la procedencia de estas consolas pero mi experiencia me dice que si fuesen una falsificación estarían relamente bien realizadas, y viendo la versión con aspecto dorada coincide plenamente con otros diseños o fotos de muy mala calidad que habíamos podido ver de aquella manera en viejos magazines de la época. En general, no puedo confirmarlo pero mi instinto me dicen que son legítimos. Las consolas se ve que son macizas y pesan una barbaridad. Esto habría que verlo más como un molde de diseño del aspecto que tendría la consola y que según él enviaron a SoA y SoJ en teoría para que se fueran haciendo una idea del proceso de diseño y el aspecto que tendría el nuevo hardware. http://www.segasaturno.com/portal/posibles-prototipos-nunca-vistos-de-la-saturn-vf17-vt9147.html http://videogamesdensetsu.tumblr.com/post/165331359790/two-possibly-previously-unseen-saturn-prototypes
  31. 1 point
  32. 1 point
    Seria épico ter um 32-BIT dourado como o do Mega Drive!
  33. 1 point
  34. 1 point
    Se tem homem operando pra participar de competições esportivas e ter uma vantagem física, imagina por dinheiro fácil...
  35. 1 point
    Minha esposa explicou que esse direito é valido até ingressos militares dos 2k... E fez uma reflexão "engraçada" e se o inverso ocorrer ? Homens que façam a cirurgia e reclamem direito de pensão ?
  36. 1 point
    Zelda do PS2 é uma boa definição, realmente o estilo é bem similar.
  37. 1 point
    Pow legal, joguei a série no Dreamcast. Mesmo não sendo fã de RPG esse achei bacana. Preciso até jogar os do cube no Wii Isso me faz lembrar na época do Snes que ela tinha muito mais RPG do que os concorrentes... Tudo bem que eu fui pro concorrente feliz e não senti falta do RPG.
  38. 1 point
    Melhor Redublagem de todas! E agora remaster!
  39. 1 point
    80 dólares é um preço justo... Milão é piada!
  40. 1 point
    Se fosse pra emular qualquer celular ou pc faz isso hoje em dia, ué. As pessoas estão interessadas no Snes Classic pelo aparelho em si, não estão só querendo um dispositivo para emular jogos.
  41. 1 point
  42. 1 point
    Olá, Exato, e sua forma de pensar NÃO é errada. O problema está do outro lado. ESSE precisamente é o problema das leis: não é a finalidade para a qual foram criadas, MAS O USO QUE SE FAZ DELAS. Se houvesse uma fiscalização mais rigorosa e mais frequente, certos projetos não poderiam sair do papel (por serem inúteis) enquanto outros projetos mais uteis poderiam ser aprovados sem problemas.
  43. 1 point
    Lembro da minha mãe dizer: Não liga essa porcaria! Vai estragar a TV!
  44. 1 point
    É uma ideia tremenda, especialmente para quem, como eu, nunca jogou Shenmue e sempre teve vontade...
  45. 1 point
    Olá, Sim... com esse treinamento, é possível "lançar as bases" de uma nova cultura, que é exatamente o que o Mendigo quer: ele quer ver Cuba Lançar.
  46. 1 point
    Olá, A questão da idade pode ser debatida sim. Concordo. De resto, o problema dessa merda de exposição é ser uma merda feita com base na Lei Rouanet, que pelo visto, não possui filtro algum, assim como aquele video das universidades do Gregorio Duvivier, onde ele deixa claro que o FIES não tinha filtro nenhum e isso apenas jogou dinheiro no ralo. Como eu disse, o banco tá pouco se fodendo com o destino da exposição porque o "benefício" (na forma de isenção de impostos) ele já obteve a partir da lei. SE o banco fosse obrigado a DEVOLVER o benefício em função da rejeição e cancelamento da exposição, aí vocês ia ver a "diferença comportamental" do banco a esse respeito. Como já dizia um sábio "Não existe almoço grátis". E como dizia outro "É a economia, estúpido". SEM LEI ROUANET (que é uma "lei de incentivo à cultura") este tipo de merda não aconteceria. Infelizmente, outros tipos de eventos e exposições (que provavelmente valem a pena) também não aconteceriam (porque, no Brasil, empresas e empresários QUEREM AJUDA DO GOVERNO, SEMPRE - se não tem ajuda, esquece).
  47. 1 point
    Essa loja ai apareceu do nada e ninguém conhece. É bem provável que esses leaks sejam fakes.
  48. 1 point
    Alguém tinha alguma dúvida de que iria sair esse remaster do Shenmue I e II depois do sucesso da campanha do kickstarter do Shenmue III ? Comprarei no dia do lançamento.
  49. 1 point
    Olá, É... cancelaram a exposição... garanto que boa parte dos facebookers ficarão felizes e simplesmente esquecerão o assunto. Só que esse NÃO É PROBLEMA. Vá lá ver se o banco vai DEVOLVER o dinheiro gasto nessa merda? Nem fodendo. Agora, vá lá ver se os facebookers vão cobrar essa devolução? Provavelmente não, o importante era "se manifestar contra a exposição apenas". Os brasileiros, de um modo geral, focam muito pouco na CAUSA do problema, reclamando apenas dos SINTOMAS. Cancelar a exposição é o de menos, o banco já "lucrou" com o benefício da lei, e na minha visão, ISSO é que está ERRADO.
  50. 1 point
×