Jump to content

rcaropreso

Membro Ativo
  • Content count

    11,406
  • Joined

  • Last visited

  • Days Won

    65

rcaropreso last won the day on February 8

rcaropreso had the most liked content!

Community Reputation

1,026 Contribuidor oldschool

About rcaropreso

  • Rank
    Olá... Até mais! Cumprimento, ergo sum!
  • Birthday 09/15/1976

Contact Methods

  • Website URL
    http://
  • ICQ
    0

Previous Fields

  • Registro Inicial
    10/04/2001

Recent Profile Visitors

12,583 profile views
  1. Microsoft anuncia Age of Empires remake e 4

    Olá, Age of Empires, forever. Mas o primeiro (Age 1) tinha uma séria deficiência nos atalhos e seleções de "grupos de personagens"... espero que eles tenham "copiado" algumas coisas do Age 2 para esta versão (para facilitar um pouco "selecionar" as coisas no mapa). De resto... o preço ta bom, nem compensa pegar pirata, R$ 37,00 está ok.
  2. Olá, É que tem a triangulação realizada pelas antenas de sinal, conforme o Reef comentou. O Wi-Fi tem mecanismos de "anunciação" (advertising) onde o aparelho e a antena ficam trocando informações basicas de protocolo (mesmo sem efetuar a conexão). Tem uma ferramenta da Cisco (Cisco CMX) que faz exatamente isso: https://www.cisco.com/c/en/us/solutions/enterprise-networks/connected-mobile-experiences/index.html Então dá pra rastrear o caboclo? Sim. A alternativa é "não ter celular" OU garantir que ele está 100% desligado (o que nos dias de hoje é difícil, já que a bateria normalmente não é removível).
  3. Olá, Conforme o esperado... está somente "jogando para a torcida" pra ver se ganha alguma "simpatia e apoio" para a votação da Reforma da Previdência.
  4. Olá, Se o Corsário frequentasse este fórum ainda, ele viria aqui para postar: "EU AVISEI". Olá, Se não quiser ser rastreado... vai ter que desligar o celular ou talvez comprar aqueles básicos que só tem função de discagem.
  5. Olá, Sim, deveria mesmo. Se as ações ficarem "limitadas" por "frescuras jurídicas", não vai rolar. Infelizmente, a situação está fora de controle e não está mais no momento da "conversa". Tem que arrebentar tudo e depois que acalmar, voltar a discutir as medidas que tem que ser tomadas "no começo" (educação e mais qualidade de vida para moradores dessas comunidades) para evitar que algumas das pessoas que moram em favelas acabem indo na direção errada. Aliás, deviam aprovar a obrigatoriedade de bloqueadores de celulares "pra ontem". E também aquele "parlatório" no presídio, onde o preso fica de um lado do vidro e a visita ou advogado, fica do outro. EDIT: Só precisa ficar atento se não é mais uma daquelas ações inúteis "pra inglês ver" (afinal, tem eleição esse ano... e se já tinha nego "putinho" só porque não foi convidado pra reunião, imagine se não há interesse por trás de uma intervenção dessas): https://noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/agencia-estado/2018/02/17/relatora-da-intervencao-no-rio-aponta-falta-de-dados-no-decreto.htm Relatora da intervenção no Rio aponta falta de dados no decreto Renan Truffi Brasíia 17/02/201818h28 Alan Marques / Folhapress A deputada federal Laura Carneiro (MDB-RJ) Escolhida para ser a relatora do decreto presidencial 9.288/2018, que formaliza a intervenção federal no Estado do Rio de Janeiro, a deputada Laura Carneiro (MDB-RJ) já está trabalhando no relatório que deve ser apresentado nesta segunda-feira, 19, durante sessão de discussão da medida, na Câmara dos Deputados. Favorável à ação federal, a parlamentar questiona, no entanto, a ausência de detalhes sobre recursos e estratégica de atuação no decreto editado pelo Palácio do Planalto. "Estou aqui num imbróglio porque tem alguns textos que deveriam estar no decreto e não estão. Onde estão os recursos (para a intervenção)? Qual é a estratégica básica pelo menos? (Falta) pelo menos exemplificar, determinar a base da estratégia, como a contenção das fronteiras do Rio, por exemplo", criticou. A deputada relatou que irá conversar com o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), para saber como atuar já que, segundo ela, não é possível alterar o teor da medida, como acontece em outras pautas em tramitação na Casa. "Vou conversar com deputado Rodrigo Maia. O decreto fala em usar os recursos do Estado. O Orçamento (para a Segurança Pública) no Rio de Janeiro é de 8 bilhões (por ano), mas quanto efetivamente você tem? A questão é qual a estrutura que basicamente o (general) Braga Neto vai ter?", disse. Por fim, Laura Carneiro comparou a situação com a de uma guerra. "É como se você fosse para um guerra sem saber os recursos que você tem. Não é de pessoal não, é de logística. Tem que ver como vai ser feito, é uma questão mais técnica. E a gente (vai) especificar recursos da União", explicou.
  6. Olá, AEEEEEE... ACABOU HORÁRIO FILHO DA PUTA!!!
  7. Olá, Tirando o tradicional "mimimi" de "armas versus desarmamento" com aquelas frases feitas para os dois lados, fica a dúvida: - defender o porte de armas pela população é uma coisa... mas permitir a compra LEGAL de FUZIS, como o AR-15? Acho que o "limite da arma" que um americano poderia comprar deveria ser menor do que isso... rifles, fuzis e metralhadoras já estão um pouco fora do "escopo" daquilo que se alega como "direito a própria defesa". https://www1.folha.uol.com.br/mundo/2018/02/atirador-de-escola-na-florida-comprou-fuzil-legalmente-diz-fbi.shtml Atirador de escola na Flórida comprou fuzil legalmente, diz FBI Empresa de Coral Springs vende armas longas e pistolas também pela internet Imagens de câmeras de segurança mostram Nikolas Cruz (de uniforme laranja), ao lado da advogada, no momento em que foi indiciado no tribunal do condado de Broward, na Flórida - Susan Stocker - 15.fev.2018/South Florida Sun-Sentinel/Associated Press 15.fev.2018 às 22h00 Estelita Hass Carazzai WASHINGTON O fuzil automático AR-15 usado pelo adolescente que matou 17 pessoas numa escola na Flórida, nesta quarta (14), foi comprado legalmente pelo próprio atirador, cerca de um ano atrás, informou o FBI. A arma foi adquirida numa loja de Coral Springs, cidade vizinha a Parkland, onde ocorreu o massacre numa região no sul da Flórida, com forte presença de imigrantes brasileiros. Nikolas Cruz, 19, já tinha idade suficiente para comprar a arma. No Estado da Flórida, qualquer pessoa maior de 18 anos pode adquirir um revólver ou um fuzil semiautomático. Para comprar bebidas, a idade limite é 21 em todo o país. A loja Sunrise Tactical Supply, onde Cruz fez a compra, vende pistolas e fuzis até pela internet. No site da empresa, que opera legalmente, é possível encontrar ofertas de pistolas e munições a partir de US$ 249 (cerca de R$ 800), incluindo a taxa de entrega. O slogan do estabelecimento é: "Não deixe o que é importante ficar desprotegido." A Folha não conseguiu contato com os donos da loja nesta quinta (15). Tiroteio deixa feridos em escola nos EUA SAÚDE MENTAL VS. CONTROLE DE ARMAS O presidente Donald Trump e o governador da Flórida, Rick Scott, ambos republicanos, afirmaram que pretendem atacar o problema da saúde mental para evitar novos tiroteios em escolas americanas. Cruz, que apresentava comportamento agressivo e havia sido expulso da escola em que ocorreu o massacre, chegou a receber tratamento psiquiátrico, mas deixara de frequentar a clínica há cerca de um ano. Os motivos do ataque ainda não foram esclarecidos. Os políticos, porém, não mencionaram o controle de armas. O debate sobre medidas mais restritivas à compra e posse de armamento é retomado em protestos a cada massacre nos EUA. "Acima de tudo, pessoas que têm problemas mentais jamais deveriam ter acesso a uma arma", afirmou Scott. O governador já foi descrito pela NRA (Associação Nacional do Rifle, na sigla em inglês) como quem "mais assinou leis pró-armas na Flórida". A NRA é o maior lobby pró-armas nos Estados Unidos, e uma grande doadora de campanha. Em entrevista à CNN, o governador foi questionado sobre o controle de armas, e se faria algo para alterar as leis locais. "Eu vou fazer tudo o que for possível para proteger as nossas crianças", afirmou Scott, sem mencionar especificamente as leis. O político argumentou que o problema dos tiroteios em massa não diz respeito apenas ao controle de armas, mas a várias questões, e que todas precisam ser contempladas pelo governo, como segurança nas escolas e o oferecimento de cuidados de saúde mental aos alunos.
  8. Olá, A lista de nomes é imensa, mas eu ficaria muito feliz se estes dois aí não fossem mais eleitos.
  9. Olá, Horário maldito, volte pro inferno!
  10. Olá, Vixe, o bitcoin vai disparar com uma noticia dessas...
  11. É hora das músicas nostalgicas

    Olá, Caracas... o Willem Dafoe sempre foi feio...
  12. Olá, É uma delícia ver como nessa hora, cagam na cabeça de todo mundo. Todo mundo quer a grana e foda-se... só a título de comparação com o "ARROMBADO INSS", esse valor de "auxílio-casinha" é bem próximo do TETO da aposentadoria do INSS. Enquanto, de um lado, está a maior choradeira para "mudar o inss", de outro, parece que está "sobrando grana" pra pagar o "vale-casa" dos juizes, que normalmente já ganham MUITO ACIMA da média salarial brasileira. Ah, tadinhos, trabalham muito ? FODA-SE! Tá cheio de gente que trabalha tanto ou mais que eles e ganha uma fração do que eles recebem. MAS, CURIOSAMENTE: O Ministro Fux deu essa liminar em 2014, mas estou notando que houve um "aumento" do "barulho" da mídia em cima desse assunto, há coisa de 1 ou 2 semanas... coincidentemente após a condenação do Lula em 2a instância, basicamente o ápice da Lava-jato. Inclusive notei que as notícias destacam que o MORO e o DALLAGNOL ganham esse benefício, o que é "estranho", já que o beneficio é estendido a qualquer integrante do judiciário, então esses 2 tem o direito de receber como QUALQUER outro, mas as notícias fazem questão de CITÁ-LOS sempre que podem. É curioso, não?
  13. Olá, Para comprar essas criptomoedas, tem que ser um numero inteiro de moedas, ou pode ser um valor qualquer: por exemplo R$ 100,00 ?
  14. Vixe, mas a Terra não era plana?

    Olá, Eu tb não tenho certeza, mas imagino que isso poderia interferir na "aerodinâmica" do salto (porque o cara ultrapassou a velocidade do som - Mach 1 - durante a queda).
×