Jump to content
Maedhros

Tópico Oficial da Política - ANO 3 [+Feliz aniversário Querida! 1 ano de Impeachment!!!]

Recommended Posts

13 minutos atrás, Maguslipe disse:

Eu tenho uma dúvida, aliás desculpem a minha ignorância, mas esse negócio do lula não poder ocupar cargos públicos por 19 anos é válido mesmo? Ou cabe recurso e aqueles "jeitinhos" do STF ? Se for válido mesmo estamos salvos desse vagabundo, já que ele já estará morto depois de 19 anos.

Toda decisão judicial cabe recurso, então precisa ver o que vai acontecer nos tribunais superiores. 

Share this post


Link to post
Share on other sites
14 horas atrás, Maguslipe disse:

Eu tenho uma dúvida, aliás desculpem a minha ignorância, mas esse negócio do lula não poder ocupar cargos públicos por 19 anos é válido mesmo? Ou cabe recurso e aqueles "jeitinhos" do STF ? Se for válido mesmo estamos salvos desse vagabundo, já que ele já estará morto depois de 19 anos.

Esperamos que não tenhamos até lá a tecnologia do "FUTURAMA" e a cabeça viva dele seja preservada em um jarro com formol... Senão até assim ele concorrerá a presidência...

Share this post


Link to post
Share on other sites

Ministério da Ciência e Tecnologia cobra R$ 20 milhões de Aécio e gabinete

Pasta diz que houve irregularidades nos gastos de convênio entre o governo federal e o de Minas Gerais em 2005

moro-aecio.jpeg

O Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações cobra R$ 20,3 milhões do senador Aécio Neves (PSDB) e de três secretários de Estado por supostas irregularidades em convênio entre o governo federal e o de Minas Gerais em 2005. O tucano governou o estado de 2003 a março de 2010.

O acordo foi firmado para a construção dos chamados centros vocacionais tecnológicos (CVTs), que oferecem por exemplo cursos nas áreas de empreendedorismo, informática e agricultura. Os ex-secretários do tucano citados pelo ministério são Bilac Pinto, Paulo Kleber Duarte Pereira e Alberto Duque Portugal, que comandaram a Secretaria de Ciência e Tecnologia.

Os centros foram construídos e funcionam. Porém, segundo apuração do ministério, teriam ocorrido irregularidades nos gastos que envolveram R$ 7,3 milhões em valores da época. Corrigidos, eles totalizam os R$ 20,3 milhões cobrados do senador e auxiliares. O total previsto para o projeto era de R$ 21,5 milhões.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Governo consegue barrar relatório contra Temer na CCJ da Câmara

Por 40 votos a 25, Comissão de Constituição e Justiça rejeitou parecer que recomendava prosseguimento da acusação contra o presidente; texto será votado em plenário

Lula%20L%202.jpg

A comissão que analisa a denúncia contra o presidente Michel Temer (PMDB) por corrupção passiva rejeitou, por 40 votos a 25, o relatório que recomenda que a Câmara autorize o Supremo Tribunal Federal (STF) a dar andamento ao caso. Um relatório paralelo que sugere o arquivamento do processo foi aprovado pelo colegiado. O texto agora precisa ser apreciado pelo plenário da Casa. A decisão é uma vitória para o governo Temer.

O deputado Sergio Zveiter (PMDB-RJ), relator do caso, declarou em seu voto que há “indícios fortes” para que a investigação prossiga. É de sua autoria o relatório derrotado nesta quinta-feira (13).

Com a rejeição do parecer dele, o presidente da comissão, Rodrigo Pacheco (PMDB-MG), designou um novo relator que acatou um voto divergente que havia sido protocolado na secretaria da comissão. Foram apresentados dez votos paralelos: seis a favor da denúncia e quatro contra a denúncia.

Para tentar evitar a derrota, partidos da base de apoio ao governo substituíram membros da comissão que sinalizavam voto a favor do relatório de Zveiter. Foram realizadas 21 trocas de parlamentares pelo menos.

No início da semana, aliados do governo contabilizavam uma maioria de votos favoráveis ao andamento da denúncia. Com a mudança de deputados, governistas garantiram a vitória e conseguiram barrar o relatório contra Temer. A sessão foi marcada por críticas da oposição sobre essa manobra regimental usada por membros da base do governo.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Olá,

O achievement foi completado ontem com a condenação do Lula.

Agora podem baixar as cortinas e encerrar o show do teatro.

 

EDIT2: Apesar das notícias abaixo, provavelmente elas serão solenemente ignoradas e trocas por uma igual quantidade de notícias só sobre Lularápio e o PT.

 

EDIT: 

http://g1.globo.com/politica/noticia/zveiter-diz-que-governo-fez-manobras-espurias-e-fabricou-resultado.ghtml

Zveiter diz que governo fez 'manobras espúrias' e fabricou resultado na CCJ

Parecer do deputado foi rejeitado nesta quinta; depois, comissão aprovou novo relatório recomendando a rejeição da denúncia contra Temer. Para ele, trocas na CCJ não foram republicanas.

 
 

 

http://g1.globo.com/politica/noticia/ccj-aprova-novo-relatorio-e-recomenda-ao-plenario-rejeitar-denuncia-contra-temer.ghtml

CCJ aprova novo relatório e recomenda ao plenário rejeitar denúncia contra Temer

Comissão de Constituição e Justiça, primeiro, rejeitou parecer de Zveiter (PMDB), favorável ao prosseguimento da denúncia. Novo parecer, de Paulo Abi-Ackel (PSDB), foi aprovado por 41 votos.

 

 

http://noticias.band.uol.com.br/brasil/noticia/100000866814/apos-relatorio-contra-temer-zveiter-e-afastado-do-pmdb.html

Após relatório contra Temer, Zveiter é afastado

'Não vejo mais espaço para ele no partido', diz vice-líder de bancada

 

 

 

http://g1.globo.com/politica/noticia/camara-marca-para-2-de-agosto-votacao-de-denuncia-contra-temer.ghtml

Câmara marca para 2 de agosto votação em plenário de denúncia contra Temer

Presidente da Câmara decidiu marcar a data após ouvir líderes partidários na noite desta quinta. Mais cedo, CCJ aprovou parecer recomendando a rejeição da denúncia.

 

 

http://g1.globo.com/politica/noticia/geddel-deixa-presidio-da-papuda-informa-secretaria-de-seguranca-publica.ghtml

Geddel deixa presídio da Papuda, informa Secretaria de Segurança Pública do DF

Ex-ministro de Temer foi preso pela PF suspeito de tentar interferir nas investigações da Polícia Federal. Nesta quarta, desembargador do DF concedeu prisão domiciliar ao peemedebista.

 
 

http://g1.globo.com/politica/noticia/juiz-nega-novo-pedido-de-prisao-do-ex-ministro-geddel-vieira-lima.ghtml

Juiz federal nega novo pedido de prisão do ex-ministro Geddel Vieira Lima

Pedido foi formulado pelo Ministério Público Federal. Detido no presídio da Papuda, ex-ministro obteve nesta quarta-feira (12) benefício da prisão domiciliar.

 
 

 

PAÍS LINDO.

Pelo menos, e essa é a coisa mais "legal" do momento: os caras nem se importam mais em CAGAR na cabeça de todo mundo e simplesmente fazerem o que bem entendem, sem fingimento, afinal, o povo não vai fazer nada mesmo. 

 

 

 

EDIT2: Ah, depois de dar um tranco na PF, resolveram dar um "carinho" (coincidência ou não, depois dos achievements completados):

 

http://g1.globo.com/politica/noticia/congresso-aprova-liberacao-de-r-1023-milhoes-para-emissao-de-passaportes.ghtml

Congresso aprova liberação de R$ 102,3 milhões para emissão de passaportes

Impressão do documento foi suspensa há cerca de 15 dias após a PF alegar 'insuficiência do orçamento'. Governo, então remanejou R$ 102,3 milhões que seriam enviados à ONU.

 

 

 

 

Edited by rcaropreso
  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Olá,

 

http://ultimosegundo.ig.com.br/politica/2017-07-14/policia-federal.html

Polícia Federal não possui tornozeleira para Geddel na Bahia
 

A Polícia Federal informou nesta sexta-feira (14) que a Superintendência da Bahia “não dispõe de sistema de monitoramento eletrônico de pessoas”, conhecido como tornozeleira eletrônica. Com isso, a prisão domiciliar do ex-ministro Geddel Vieira Lima não poderá ser monitorada pela Justiça.
Fonte: Último Segundo - iG @ http://ultimosegundo.ig.com.br/politica/2017-07-14/policia-federal.html

 

 

 

Sem quórum, Câmara adia leitura de relatório da CCJ para segunda


Fonte: Último Segundo - iG @ http://ultimosegundo.ig.com.br/politica/2017-07-14/camara-deputados-ccj.html

 

A leitura do parecer, que estava agendada para essa sexta-feira (14), teve que ser adiada devido a falta de quórum. Para que a sessão desta sexta fosse aberta, era necessária a presença de pelo menos 51 deputados na Câmara dos Deputados . Apenas 19 apareceram. Essa leitura é uma das etapas necessárias antes da votação no plenário, que está marcada para o dia 2 de agosto. 
Leia também: Relator da denúncia contra Temer critica mudanças na CCJ
A partir da leitura, o parecer será publicado no diário oficial da Câmara e o presidente da Casa, Rodrigo Maia (DEM-RJ), será notificado para que a denúncia seja incluída na pauta de votação. Se a leitura fosse feita nesta sexta, em tese, haveria inclusão da denúncia na pauta da sessão da próxima segunda.
Fonte: Último Segundo - iG @ http://ultimosegundo.ig.com.br/politica/2017-07-14/camara-deputados-ccj.html

Share this post


Link to post
Share on other sites

Congresso quer Refis com desconto de 99% e benefícios a igrejas e clubes de futebol

Comissão aprovou relatório do novo Refis com mudanças que podem diminuir arrecadação e beneficiar alguns setores

silas-malafaia-forbes.jpg

Deputados e senadores romperam o acordo com o governo e aprovaram na quinta-feira (14), o relatório do novo Refis com condições mais favoráveis para empresas devedoras. O texto também ajuda igrejas, times de futebol, produtores de álcool, dentre outros grupos, com benefícios que nada têm a ver com o programa de refinanciamento de dívidas tributárias.

Integrantes da equipe econômica contestaram o texto e ainda calculam o impacto que a medida terá, caso seja aprovada pelo plenário da Câmara. Na versão anterior, que já tinha ampliado as vantagens para devedores da União, o governo poderia arrecadar entre R$ 13 bilhões e R$ 15 bilhões com a adesão ao programa neste ano. Mas, nos anos seguintes, haverá frustração de receitas superior a R$ 2 bilhões por ano.

Para valer, o texto precisa ser aprovado pelo Senado antes de seguir para a sanção presidencial. O presidente poderá vetar alguns pontos ou até mesmo toda a lei. Os deputados, no entanto, afirmam que negociaram o novo texto com o governo em troca de apoio à reforma trabalhista e previdenciária.

Na versão atual do relator, o deputado Newton Cardoso Júnior (PMDB-MG), há previsão de descontos de até 99% de multa e juros caso o devedor opte por uma parcela de 20% à vista calculada sobre o valor integral (sem descontos). Antes, previa-se uma parcela maior (25%) à vista para descontos de até 90% de juros e multas.

Outro revés para o governo foi a possibilidade de utilização de créditos tributários gerados por prejuízos fiscais. Caso haja saldo remanescente, será possível o parcelamento em até sessenta meses.

Ou seja: as empresas passam a aderir ao programa pagando uma parcela menor e conseguindo mais descontos.

Jabutis

O relatório aprovado traz ainda diversos trechos alheios ao programa de refinanciamento de dívidas tributárias. Conhecidos popularmente como “jabutis”, esses benefícios contemplaram igrejas, times de futebol, produtores de etanol, exportadores de cigarro, portos secos, dentre outros.

Caso as medidas forem mantidas pelo Congresso, associações religiosas não terão de pagar IOF (Imposto Sobre Operações Financeiras) quando fizerem remessas ao exterior. Muitas delas têm braços nos EUA, Europa e África.

O relator ainda previu em seu parecer a reinclusão de clubes que foram excluídos do programa de parcelamento de dívidas de times de futebol, o Profut. Ele argumenta que a medida vai beneficiar principalmente os clubes menores. O Profut permitiu o refinanciamento de dívidas de impostos em 240 meses, com redução de 70% das multas, 40% dos juros e 100% dos encargos. Os clubes que aderiram tiveram desconto de 50% nas 24 primeiras parcelas, 25% da 25.ª à 48.ª e 10% a 49.ª à 60.ª. Como contrapartida, precisaram assumir alguns compromissos, como limitação de mandatos dos dirigentes, não atrasar salários, gastar no máximo 80% da receita bruta anual do futebol profissional com salários e direitos de imagem e investir nas categorias de base e no futebol feminino

Empresas de rádio e televisão devedoras poderão pagá-las ao poder público em condições similares às do Refis.

As autorizações para porto secos (aduanas localizadas fora dos portos marítimos) tiveram a validade estendida para 25 anos prorrogáveis por mais dez anos.

Para tentar barrar os cigarros clandestinos que entram no país via Paraguai, os cigarros deverão ter selos identificando sua origem.

Edited by Peidãø Neck

Share this post


Link to post
Share on other sites

Ex-coordenador do MBL ganha cargo comissionado de Francischini

Eder-Borges-2-650x365.jpg

O deputado Fernando Francischini tem uma nova aquisição em seu gabinete. Eder Borges, coordenador do MBL no Paraná durante todo o processo de impeachment de Dilma Rousseff (e que recentemente deixou o movimento) agora virou funcionário comissionado.

Segundo o Diário Oficial, a nomeação saiu em 4 de maio. Eder Borges, que sempre reclamou do Estado inchado, passa a ser Secretário Parlamentar 19, com remuneração paga pela Viúva de R$ 4,3 mil. Com isso, Francischini, outro defensor do Estado mínimo, tem nada menos do que 17 funcionários mantidos pelo erário.

Os dois estariam assumindo, segundo Borges, a coordenação da campanha presidencial de Jair Bolsonaro (PSC) no Paraná.

:lula::nag::iawww:

Edited by Peidãø Neck

Share this post


Link to post
Share on other sites

Olá,

Esse país é lindo. Um exemplo para o mundo. Parabéns aos envolvidos.

 

Mas lembrem-se: o problema era a Dilma e o Lula. Nada mais.

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

E nenhum post dos "de bem do forum", seja republicanos de curitiba ou do tucanistão... realmente o Brasil agora vai!

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Olá,

 

País em crise? Onde?

Realmente... o problema era só a Dilma mesmo. E o Lula. :troll_face:

 

http://ultimosegundo.ig.com.br/politica/2017-07-14/temer.html

 

Governo liberou R$ 134 milhões a deputados que votaram a favor de Temer na CCJ
 

Segundo levantamento da ONG Contas Abertas, maioria dos parlamentares que apoiaram rejeição da denúncia contra Temer recebeu recursos às vésperas da votação; novo relator da denúncia foi quem mais recebeu.

 

O governo federal liberou mais de R$ 134 milhões em emendas parlamentares aos deputados que votaram nessa quinta-feira (13) pela rejeição da denúncia contra o presidente Michel Temer  na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara. De acordo com levantamento da ONG Contas Abertas, 36 dos 41 deputados que apoiaram o presidente na comissão receberam recursos do Planalto em junho, às vésperas da votação da denúncia por corrupção passiva.
 

 

http://ultimosegundo.ig.com.br/politica/2017-07-14/eliseu-padilha.html

Após vitória de Temer, Eliseu Padilha nega irregularidades em manobras na CCJ

 

Governo efetuou trocas entre os integrantes da comissão para garantir a rejeição do relatório que sugeria prosseguimento da denúncia contra Temer
 

“Os partidos PMDB, PP, PR, PRB e PSD fecharam questão, ou seja, todos os parlamentares destas legendas eram obrigados a votar conforme a orientação do partido. Como havia alguns com dificuldade de assimilar essa orientação partidária, eles foram substituídos. Colocaram-se outros que tinham posição garantida, porque iriam lá responder conforme a orientação do partido”, explicou.
 

 

Ah, estamos quase voltando aos velhos tempos do "Engavetador Geral da República"... :oic_face:

 

EDIT: Tem que manter isso, viu? :oic_face:

 

EDIT2: Olha a pedalada!!!! Mas tudo bem, essa não tem problema, acho que não vou ver ninguém indignado nas ruas. :oic_face:

http://www1.folha.uol.com.br/mercado/2017/07/1901471-governo-federal-infla-receitas-para-conseguir-fechar-as-contas.shtml

Governo federal infla receitas para conseguir fechar as contas

Diante da resistência do Congresso em aprovar medidas que reforçarão o caixa do governo e do risco de a máquina pública parar em agosto, a equipe econômica saiu à procura de dinheiro extra para tentar liberar cerca de R$ 4 bilhões para gastos bloqueados desde março.
Uma das soluções foi elevar a previsão de receita com <a href="http://www1.folha.uol.com.br/mercado/2017/07/1899074-em-primeiro-ato-como-presidente-eunicio-sanciona-lei-dos-precatorios.shtml">precatórios</a>, de R$ 8,6 bilhões para cerca de R$ 12 bilhões. O aumento se deve a um novo cálculo do Conselho de Justiça Federal para os precatórios &ndash;dívidas do poder público decorrentes de sentenças judiciais&ndash; não sacados pelo beneficiário há mais de dois anos.
 

 

Edited by rcaropreso
  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Reformas da Paranaprevidência foram um “assalto”, diz procurador

Gabriel Guy Léger, procurador do Ministério Público de Contas do Paraná , afirma que, no modelo atual, não haverá recursos para bancar aposentadorias a partir de 2047

Richa1.jpg?fit=1600,1067

A mudança mais recente na Paranaprevidência, que culminou na batalha do Centro Cívico e descapitalizou o fundo em R$ 3,8 bilhões, prejudicou intensamente sua sustentabilidade, mas não foi a intervenção mais grave que o sistema enfrentou. Na opinião do procurador do Ministério Público de Contas do Paraná Gabriel Guy Léger, sucessivas mudanças promovidas em diferentes governos explicam a insolvência do fundo, que não terá nenhum centavo para pagar aposentadorias a partir de 2047, caso seja mantido o modelo atual.

Segundo Léger, o que tem ocorrido é um “roubo” aos recursos previdenciários.Não precisa ser a mão armada para ser roubado. Temos aqui o caso de um assalto a mão legislativa”, afirmou, durante palestra em um seminário sobre previdência, organizado pelo sindicato dos servidores do Tribunal de Contas do Estado (TCE-PR) e pela federação nacional da categoria.

O procurador afirma que o TCE tem feito seu papel de fiscalização, mas que fica de mãos amarradas porque as intervenções que prejudicam o fundo são aprovadas pelos deputados estaduais. “O tribunal se pauta pela lei, não pode desconsiderar o panorama legislativo estadual. Há uma violação à modelagem constitucional, e há muitas ações questionando isso no Supremo, mas, como o Supremo está atribulado com outras coisas, não as julga”, relata.

De todas as intervenções na Paranaprevidência, Léger aponta três que considera mais grave, ressaltando que é sua opinião como procurador, não do TCE. “Em primeiro está a falta de composição do fundo de previdência com a paridade de, vamos simplificar, 10% cota patronal, 10% servidores. Ou seja, 20% da folha seria para compor um fundo de previdência. Nunca foi feito”, conta. Ele critica a previsão de o governo aumentar a alíquota até 20% nos próximos anos, considerando que não conseguiu contribuir nem com 10%.

Em segundo lugar está a negociação que o governo de Jaime Lerner fez em 2000, quando antecipou a receita de 20 anos dos royalties de Itaipu e usou para capitalizar o fundo. “A negociação não foi economicamente vantajosa para o estado, que trocou os 20 anos para receber em 15 anos, mas abriu mão de 53% do valor”, apontou. Ou seja, ganhou cinco anos, mas recebeu só metade do que teria direito. “Além disso, o estado passou a considerar esse pagamento de royalties como se fosse a cota patronal. Não passou a cota patronal. Aquilo que deveria ser receita extraordinária para formar uma poupança só compensou o débito do governo”, acrescentou.

Por fim o procurador cita as mudanças promovidas em 2015 pela gestão de Beto Richa. “A segregação de massas em 2012 já tinha sido ruim, mas a de 2015 foi a mais prejudicial.” A segregação de massas prevê a separação dos segurados em dois grupos distintos, um coberto pelo fundo financeiro e outro pelo fundo previdenciário.

O que é questionado é que a Lei Estadual nº 18.469/2015 transferiu do Fundo Financeiro para o Previdenciário 33,5 mil inativos que até então eram pagos pelo Tesouro. O governo então deixou de aportar na previdência os valores correspondentes a esses funcionários e passou a sacar cerca de R$ 145 milhões da Paranaprevidência, com data retroativa a janeiro de 2015. Essa operação é que “derreteu” o patrimônio do sistema em R$ 3,8 bilhões, segundo cálculo do consultor Renato Follador, um dos idealizadores do órgão criado em 1998.

Share this post


Link to post
Share on other sites
1 hora atrás, sonda 2 disse:

esses nefastos acontecimentos certamente sera um otimo combustivel retorico de lula em 2018...

infelizmente o brasil tera jeito se tirarem essa triade satanica (pt-psdb pmdb) no poder...

já começou...http://veja.abril.com.br/politica/quero-saber-como-estao-os-coxinhas-cade-as-panelas-diz-lula/

Olá,

Sim... e ao mesmo tempo, veja como não querem resolver o problema e sim criar MAIS UMA GAMBIARRA:

http://ultimosegundo.ig.com.br/politica/2017-07-15/emenda.html

Emenda criada por petista visa impedir prisão de candidatos em ano de eleição

Autor da proposta, deputado Vicente Cândido (PT-SP) admite que eventual mudança no Código Eleitoral poderá beneficiar o ex-presidente Lula

O deputado Vicente Cândido (PT-SP) apresentou uma emenda ao relatório sobre a Reforma Política que poderá beneficiar diretamente o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), que foi condenado nesta semana a nove anos e meio de prisão pelo juiz federal Sérgio Moro, responsável pelas ações penais decorrentes da Operação Lava Jato em primeira instância.

A emenda apresentada por Vicente Cândido, que é o relator da Reforma Política na Câmara, visa impedir que, a partir das eleições do ano que vem, os candidatos sejam presos até oito meses antes do pleito. As informações foram publicadas neste sábado (15) pelo jornal “O Estado de S.Paulo”.
 

 

PQP, só vejo políticos fazendo merda... Vai trabalhar, porra! Ao invés de inventar idiotice... é a condenação que fode a "ficha" do candidato e não a "prisão"! Tá parecendo um vereador estúpido que queria mudar a cor oficial do LUTO, de preto para... cinza! (Porque a cor preta simbolizando luto seria "racismo"! PQP, e eu pago o salário desses inúteis).

 

 

1 hora atrás, sonda 2 disse:

esses nefastos acontecimentos certamente sera um otimo combustivel retorico de lula em 2018...

infelizmente o brasil tera jeito se tirarem essa triade satanica (pt-psdb pmdb) no poder...

já começou...http://veja.abril.com.br/politica/quero-saber-como-estao-os-coxinhas-cade-as-panelas-diz-lula/

Olá,

Eu detesto esse discurso dele, do famoso "Nós contra eles". Porque esse sujeito (Lula) NUNCA nomeia o "ELES", para que o povo conheça OS NOMES da tal "ELITE".

Na cabeça do povão, um cara de classe média (um professor de universidade publica, por exemplo), é da ELITE. Um engenheiro, é ELITE.

E isso... é uma IDIOTICE.

 

A ELITE do país é quem detém o PODER POLÍTICO, ECONÔMICO E DE INFORMAÇÃO. É formada por um PUNHADO de pessoas e não por uma CLASSE MÉDIA (excetuando-se os IDIOTAS DE CLASSE MÉDIA, que não tem onde cair morto, mas acham que são "top" - esses são só idiotas).

 

 

 

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

TV Aberta e Política Duas Noticias:

Silvio Santos pede música “Presidente Cara de Pau” e cita presidente do Brasil

Nos intervalos entre os quadros de seu programa, o apresentador Silvio Santos costuma tocar, na íntegra, algumas músicas que fizeram bastante sucesso no passado. Neste domingo (16), Silvio pediu uma música de título bastante sugestivo: “Presidente Cara de Pau”, de Bezerra da Silva.

Ao comentar sobre a letra da canção, ele citou indiretamente o presidente Michel Temer, dizendo que a letra não se referia a ele, e nem a nenhum outro chefe de Estado:

“É uma crítica que não tem nada a ver com nenhum presidente. Nem presidente dos Estados Unidos, nem presidente do Brasil, nem presidente da Coreia, nem presidente de lugar nenhum. Mas é uma música de crítica. Bezerra da Silva cantando, prestem atenção na letra, ‘Presidente Cara-de-Pau'”, disse.

Vale lembrar que recentemente Silvio Santos cedeu a uma proposta do governo e passou a veicular propagandas defendendo as reformas da Previdência e Trabalhista. Os anúncios foram retirados do ar pela justiça;

Em reportagem, Record ataca a Globo e a “acusa” em esquema de corrupção

A Record levou ao ar nesse domingo (16) uma prometida reportagem sobre a TV Globo no “Domingo Espetacular”. Na atração, a emissora discorreu sobre a possibilidade do ex-ministro Antonio Palocci ter envolvido a emissora carioca em uma possível delação premiada. “A causa do pesadelo nos poderosos”, disse o repórter do canal.

De acordo com a Record, a Globo estaria temendo a delação de Palocci, pois ele pode “contar o que sabe sobre os negócios dos irmãos Marinho”. Entre as acusações mencionadas pela Record contra a Globo, está principalmente a de sonegação de impostos. A emissora argumentou que, como a Globo “quase quebrou” no início dos anos 2000, teve que montar um esquema criminoso para comprar os direitos de transmissão da Copa do Mundo daquele ano.

A Globo teria criado uma empresa de fachada no exterior, a Empire. Tal empresa adquiriu os direitos de transmissão da Copa, e foi dissolvida após isso, passando seus “bens” (os direitos de transmissão) à Globo, sem que o canal carioca precisasse pagar os impostos.

A Receita Federal descobriu todo o esquema e condenou a emissora a pagar pelo que devia ao Estado brasileiro. Após um ano com o pagamento atrasado, no entanto, a emissora teria se beneficiado com uma lei que dava grande desconto a quem pagasse à vista processos atrasados com a justiça. Dessa forma, de acordo com a emissora, que entrevistou um jornalista com exclusividade, a Globo pagou R$ 1 bilhão referente à dívida, mas também teria deixado de pagar R$ 1 bilhão do montante inicial.

No final da reportagem, a Record questiona se a Globo ainda “teria poder” de influenciar a possibilidade de alguém fazer ou não delação premiada no Brasil. Procurada pelo TV Foco, a Globo ainda não se pronunciou sobre a reportagem da concorrente até o fechamento desta matéria.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Olá,

Apenas tomemos o cuidado de comparar números "crus", quando a própria reportagem fala:

 

"Os gastos com ex-presidentes registrados pela Presidência da República não são corrigidos pela inflação. "

Leia mais: https://oglobo.globo.com/brasil/dilma-gasta-triplo-do-que-antecessores-com-viagens-21598212#ixzz4n8Mpd0ii 
stest 

 

Ademais, é vergonhoso que um ex-presidente tenha tamanha mordomia. 

Por que diabos, nessa hora, ninguém quer IMITAR os EUA? Lá, os benefícios não tão tão amplos (e normalmente tem teto).

http://mundoestranho.abril.com.br/cotidiano/quais-sao-os-beneficios-garantidos-a-ex-presidentes/

https://oglobo.globo.com/mundo/quatro-beneficios-que-os-ex-presidentes-dos-eua-recebem-20789736

 

2 minutos atrás, Dav disse:

TV Aberta e Política Duas Noticias:

Silvio Santos pede música “Presidente Cara de Pau” e cita presidente do Brasil

Nos intervalos entre os quadros de seu programa, o apresentador Silvio Santos costuma tocar, na íntegra, algumas músicas que fizeram bastante sucesso no passado. Neste domingo (16), Silvio pediu uma música de título bastante sugestivo: “Presidente Cara de Pau”, de Bezerra da Silva.

Ao comentar sobre a letra da canção, ele citou indiretamente o presidente Michel Temer, dizendo que a letra não se referia a ele, e nem a nenhum outro chefe de Estado:

“É uma crítica que não tem nada a ver com nenhum presidente. Nem presidente dos Estados Unidos, nem presidente do Brasil, nem presidente da Coreia, nem presidente de lugar nenhum. Mas é uma música de crítica. Bezerra da Silva cantando, prestem atenção na letra, ‘Presidente Cara-de-Pau'”, disse.

Vale lembrar que recentemente Silvio Santos cedeu a uma proposta do governo e passou a veicular propagandas defendendo as reformas da Previdência e Trabalhista. Os anúncios foram retirados do ar pela justiça;

Em reportagem, Record ataca a Globo e a “acusa” em esquema de corrupção

A Record levou ao ar nesse domingo (16) uma prometida reportagem sobre a TV Globo no “Domingo Espetacular”. Na atração, a emissora discorreu sobre a possibilidade do ex-ministro Antonio Palocci ter envolvido a emissora carioca em uma possível delação premiada. “A causa do pesadelo nos poderosos”, disse o repórter do canal.

De acordo com a Record, a Globo estaria temendo a delação de Palocci, pois ele pode “contar o que sabe sobre os negócios dos irmãos Marinho”. Entre as acusações mencionadas pela Record contra a Globo, está principalmente a de sonegação de impostos. A emissora argumentou que, como a Globo “quase quebrou” no início dos anos 2000, teve que montar um esquema criminoso para comprar os direitos de transmissão da Copa do Mundo daquele ano.

A Globo teria criado uma empresa de fachada no exterior, a Empire. Tal empresa adquiriu os direitos de transmissão da Copa, e foi dissolvida após isso, passando seus “bens” (os direitos de transmissão) à Globo, sem que o canal carioca precisasse pagar os impostos.

A Receita Federal descobriu todo o esquema e condenou a emissora a pagar pelo que devia ao Estado brasileiro. Após um ano com o pagamento atrasado, no entanto, a emissora teria se beneficiado com uma lei que dava grande desconto a quem pagasse à vista processos atrasados com a justiça. Dessa forma, de acordo com a emissora, que entrevistou um jornalista com exclusividade, a Globo pagou R$ 1 bilhão referente à dívida, mas também teria deixado de pagar R$ 1 bilhão do montante inicial.

No final da reportagem, a Record questiona se a Globo ainda “teria poder” de influenciar a possibilidade de alguém fazer ou não delação premiada no Brasil. Procurada pelo TV Foco, a Globo ainda não se pronunciou sobre a reportagem da concorrente até o fechamento desta matéria.

Olá,

A Globo é uma empresa do porte de: Petrobras, Odebrecht, JBS, entre tantos outros "gigantes". É uma gigante das telecomunicações.

Será que tem treta no meio? Bom, baseado no histórico das "outras gigantes"... há grandes possibilidades.

Mas aí vem a pergunta: quem vai NOTICIAR tais problemas, se existirem? Qual "meio de comunicação" iria noticiar problemas do MAIOR MEIO de comunicação existente?

Teríamos que dispor de 2 ou 3 gigantes concorrentes, para que houvesse "equilíbrio". Mas não temos.

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

não existe mocinho vs bandido ... existe bandiso vs bandido  pois o dono da record e o "ilibadissimo" edir macedo

briga entre demonios 

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
Em 17/07/2017 at 8:23 PM, rcaropreso disse:

Olá,

Apenas tomemos o cuidado de comparar números "crus", quando a própria reportagem fala:

 

"Os gastos com ex-presidentes registrados pela Presidência da República não são corrigidos pela inflação. "

Leia mais: https://oglobo.globo.com/brasil/dilma-gasta-triplo-do-que-antecessores-com-viagens-21598212#ixzz4n8Mpd0ii 
stest 

 

Ademais, é vergonhoso que um ex-presidente tenha tamanha mordomia. 

Por que diabos, nessa hora, ninguém quer IMITAR os EUA? Lá, os benefícios não tão tão amplos (e normalmente tem teto).

http://mundoestranho.abril.com.br/cotidiano/quais-sao-os-beneficios-garantidos-a-ex-presidentes/

https://oglobo.globo.com/mundo/quatro-beneficios-que-os-ex-presidentes-dos-eua-recebem-20789736

 

Tem gente sim, po! Eu e uma penca de gente postamos contra a mamata dos políticos no Brasil!

Política é muito escroto :(

Share this post


Link to post
Share on other sites
20 minutos atrás, Luiz Claw disse:

Tem gente sim, po! Eu e uma penca de gente postamos contra a mamata dos políticos no Brasil!

Política é muito escroto :(

Olá,

Sim, eu sei. Estou me referindo aos próprios políticos, obviamente. Afinal, muita gente também é contra certos pontos das reformas que estão enfiando no rabo do povo, mas para essas reformas, os políticos enchem a boca pra falar que é "bom para o país".

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
27 minutos atrás, rcaropreso disse:

Olá,

Sim, eu sei. Estou me referindo aos próprios políticos, obviamente. Afinal, muita gente também é contra certos pontos das reformas que estão enfiando no rabo do povo, mas para essas reformas, os políticos enchem a boca pra falar que é "bom para o país".

Já vi o Magno Malta e outro levantando contra mamata. O outro não lembro o nome. Meio que to bem desistido de política.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Acho nao sei...que na proxima eleiçao nao vou votar se for vai ser branco e nulo.E muito candidato que para mim significa gasto desnecessário de dinheiro e efetivamente nada acontece.Deputado Estadual e Federal e certeza que nao.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Marcos Valério acerta delação com a PF e deve revelar detalhes de mensalão tucano

Acordo aguarda homologação do Supremo Tribunal Federal, já que envolve políticos de foro privilegiado.

FHC__Aecio_Neves__Geraldo_Alckmin_e_Joao

O publicitário Marcos Valério fechou um acordo de delação premiada com a Polícia Federal de Minas Gerais, após ter a oferta negada pelo Ministério Público Federal. O acerto foi enviado ao Supremo Tribunal Federal (STF) e aguarda homologação.

A colaboração envolve políticos de foro privilegiado e, por isso, depende do aval do Supremo. Valério deve narrar detalhes sobre o mensalão tucano – esquema de desvios de recursos públicos de estatais mineiras para a fracassada campanha de reeleição do então governador Eduardo Azevedo (PSDB), em 1998.

De acordo com a PF, o acordo foi assinado no último dia 6, quando foi apresentada “vasta documentação” e prestado depoimento.

A delação depende de homologação do Supremo para que possa ser usada em ações penais. Durante o período de recesso do STF, caberá à presidente da Corte, ministra Cármen Lúcia, validar o conteúdo do acordo ou distribuir para outro ministro quando as atividades forem retomadas.

Prepare o bolso: governo Temer cogita aumentar imposto sobre combustíveis

Elevação da alíquota do PIS e da Cofins deve ser anunciada pela equipe econômica nesta quarta-feira. Medida visa liberar despesas hoje represadas.

20151213153958862432o.jpg

A frustração de receitas está tão forte que, para liberar despesas que estão congeladas até quinta-feira (20), o presidente Michel Temer terá de dar aval para que a equipe econômica aumente tributos sobre combustíveis. Pelos cálculos que estão na mesa até o momento, seria preciso aumentar em cerca de R$ 0,10 por litro de gasolina e diesel para levantar cerca de R$ 4 bilhões, valor que seria suficiente para liberar despesas hoje represadas.

O aumento seria feito por meio de elevação da alíquota de PIS e Cofins sobre combustíveis, que entraria em vigor automaticamente.

Inicialmente, a equipe econômica cogitou elevar a Cide, contribuição que também incide sobre combustíveis. No entanto, seria preciso esperar três meses para que a medida entrasse em vigor e haveria divisão dessa receita com estados e municípios. Por isso, essa opção perdeu força.

O presidente Temer definirá o aumento de tributos sobre combustível em reunião com a equipe econômica nesta quarta. O anúncio da revisão orçamentária está marcado para quinta.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now


×