Jump to content
Maedhros

Tópico Oficial da Política - ANO 6 - Acabou a Nova Era [+Moro Presidente em 2022]

Recommended Posts

Em 18/07/2020 at 12:46, sonda 2 disse:

Mesma Rede TV que atrasa salários...
Sério, não vejo esse cancer, mas esse programa tem tanto merchan assim para esses doentes pagarem meio milhão ? Pois likes pagam conta do sikeira, não da rede tv...
 

  • Like 1
  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
Em 09/07/2020 at 15:56, parana disse:

Candidato honesto é esse ai...sem hipocrisia.

 

 

Todos robam mesmo, né?

Share this post


Link to post
Share on other sites

Braga Netto dá aval para filha ocupar cargo comissionado

Posto com salário de R$ 13.074 é de livre nomeação e não é preciso fazer concurso público para ocupá-lo

52373585_303.jpg

A Casa Civil, comandada pelo general Walter Braga Netto, deu autorização para a Agência Nacional de Saúde (ANS) contratar a filha do ministro, Isabela Oassé de Moraes Ancora Braga Netto, para uma vaga de gerente da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), com salário de R$ 13.074 por mês. O cargo é de livre nomeação. Ou seja, não é preciso fazer concurso público para exercê-lo.

Com sede no Rio de Janeiro, a agência regula o mercado de planos de saúde. Se confirmada a nomeação, a filha de Braga Netto ocupará o cargo de Gustavo de Barros Macieira, servidor de carreira da agência e especialista em direito do Estado e da regulação pela Fundação Getulio Vargas (FGV), que ainda ocupa o posto.

A vaga disputada por Isabela é para comandar a Gerência de Análise Setorial e Contratualização com Prestadores. O posto trata da relação entre ANS, planos de saúde e prestadores de serviços, como hospitais. A filha do ministro é formada em comunicação social. O nome de Isabela foi analisado pela Casa Civil porque nomeações para cargos comissionados do alto escalão exigem aval da pasta.

A informação sobre a possível nomeação foi antecipada pela revista Veja. O diretor Rodrigo Aguiar, responsável pela gerência, confirmou ao Estadão que o nome da filha do ministro recebeu o ok da Casa Civil e informou que ainda não sabe quando a contratação será feita porque a análise do seu currículo ainda não foi concluída pela ANS. "Trata-se de cargo de livre nomeação e exoneração, para o qual profissionais de variados perfis são considerados, visando o melhor atingimento dos fins da função", disse.

Questionado sobre quem indicou a filha do ministro para a vaga e se ela tem experiência na área, o diretor disse que não poderia comentar o assunto. Procuradas, a ANS e a Casa Civil não se manifestaram até a publicação deste texto.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Contra funcionario publico pois passou em concurso e nao da para "compra-lo" 

Nao rende favores ou votos...

Nas prefeituras de medias e pequenas cidades esse procedimento e regra

Share this post


Link to post
Share on other sites

Olá,

O governo é uma piada pronta, atira no próprio pé. Resumo: o governo era CONTRA o Fundeb (funde de educação básica)... era contra a aprovação do jeito que estava o texto, porque o Guedes queria uma parte do dinheiro para usar na "Bolsa Naro"  (a nova bolsa família)... ele também queria usar parte do dinheiro em CRECHES PRIVADAS e coisas assim (sem noção).

Tanto que os deputados bolsogados de raiz estavam tentando obstruir a pauta e tals... e aí votaram CONTRA o projeto... mas foram derrotados por 499 a 6 (ou algo assim, foi um treco épico).

Agora o governo está afirmando que SEMPRE QUIS ESSA REFORMA DO JEITINHO QUE ESTÁ, e está "punindo" quem votou contra (como eu disse, alguns ali bolsogados de carteirinha).

 

Parece aquelas cenas do Chaves "Ah, não vou te dar!..." "Tá bom, eu nem queria"

 

Em breve... veremos o cavalo  de pau do presidente na direção do assistencialismo social e se afastando dos fanáticos, principalmente se ele "sentir" que dos assistidos virão mais votos do que dos fanáticos... aí, além de abandonados, os fanáticos serão processados e colocados em seu devido lugar.

 

Bia Kicis é retirada do cargo de vice-líder do governo no Congresso 
Retirada da deputada do PSL Bia Kicis do cargo de vice-líder foi publicada no Diário Oficial da União, mas motivo não foi apontado pelo presidente
Fonte: undefined - iG @ https://ultimosegundo.ig.com.br/politica/2020-07-23/bia-kicis-e-retirada-do-cargo-de-vice-lider-do-governo-no-congresso.html

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Olá,

 

Ah, pra ajudar, o Bolsonaro ainda mandou um "quem votou contra foi uma meia dúzia aí, eles que se expliquem".

Essa meia dúzia é justamente da tal "Ala Ideológica" do governo que segue cegamente o presidente (que não hesitou um segundo em jogá-los na fogueira). Inclusive, parece que eles ficaram putos em serem queimados em praça pública pelo Bolsonaro. 

 

Ou seja, como eu disse: eles se matam entre si.

 

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Mas gado é assim mesmo, no final se abate.
Triste que tem uma galerinha aqui mesmo no forum, que ainda não entendeu isso.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
8 minutos atrás, DHX disse:

Mas gado é assim mesmo, no final se abate.
Triste que tem uma galerinha aqui mesmo no forum, que ainda não entendeu isso.

Mas e o pt!?

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Delfim, 92 anos, faz mea culpa e defende justiça social

 
file.jpeg
 
 
Em entrevista surpreendente, Delfim Neto defende a distribuição de renda e a justiça social para o povo brasileiro

Na mesma entrevista dada a Pedro Bial, exibida pela TV Globo na madrugada desta terça-feira (21), em que revelou bastidores da campanha eleitoral de 2018, como a traição de Lula a Ciro Gomes, o ex-ministro Delfim Neto surpreendeu ao fazer uma mea culpa e a defender como prioridade para o país a justiça social.

Conhecido como um férreo defensor da economia de mercado, tendo comandado os rumos econômicos do país em mais de um momento nos governos militares, ele faz, aos 92 anos, com a mesma lucidez e clareza de ideias de sempre, uma surpreendente autocrítica ao renegar “a esperança - na qual confiava - de que o desenvolvimento econômico fosse resolver tudo”.

“O desenvolvimento econômico ajuda”, afirmou, “mas uma sociedade tem que ter um objetivo moral mais amplo. Isso exige lideranças que nós não tivemos”, completou, em tom de crítica aos governantes que passaram pelo Palácio do Planalto. E não poupou os responsáveis pela condução da política econômica brasileira, incluindo-se no rol daqueles que não priorizaram a busca da justiça social:

“Nós, economistas, que estivemos no poder, não devíamos estar dizendo isso. Devíamos, primeiro, fazer a mea culpa porque não fizemos, quando estávamos no governo, o que dizemos hoje que temos que fazer”, confessou.
 

Sem igualdade, meritocracia é fraude

Delfim apresenta o que não foi e ainda deve ser feito:

“Precisamos de políticos capazes de dar igualdade de oportunidades. O Estado tem que dar atenção à gestante, dar a ela condições adequadas de parto. Depois, promover a Educação até os 15 anos de tal jeito que esse sujeito que nasceu sem que ninguém quisesse, por acidente, tenha as mesmas oportunidades que aquele que nasceu por uma disposição da família. Sem isso a meritocracia é uma fraude! Quando não se parte do mesmo ponto, não se pode dizer, quando alguém chega longe, que foi por mérito. Não! Foi porque começou a corrida em um ponto mais longe do que os outros”, sustentou.

O ex-ministro admitiu que “essa consciência, que já era antiga,se solidificou com a magnitude da desigualdade que estamos enfrentando”. Desigualdade que, segundo ele, clarificou-se durante a pandemia, quando o país descobriu claramente - através da concessão do auxílio emergencial do governo para as pessoas sem renda comprovada - “a existência de 38 milhões de invisíveis”.

“Para os quais nós nunca demos água tratada, nem esgoto tratado. Para os quais não adianta dizer: ‘lava as mãos’, porque não têm nem sabão, nem água para lavar”, reconheceu.

Mas, mesmo apontando para o fracasso de todos os governos que conheceu - e muitos dos quais influenciou, inclusive como consultor econômico nas gestões Lula e Dilma, além do comando que exerceu nos governos militares -, Delfim acredita ainda na solução política para a tragédia social brasileira. E invocando surpreendentemente teses de lutas da esquerda, ele vaticina o empoderamento político do povo, que irá impor ao país uma melhor distribuição de renda:

“Qual será a contribuição definitiva disso? É que essa gente percebeu que no fundo a Constituição de 88 os empodera pelo voto para impor a sua vontade. Não há força política que vai impedir o estabelecimento de uma renda básica inteligente, que proteja os mais necessitados e lhes dê a possibilidade de recuperar a sua cidadania”, previu.

E acrescentou:

“Toda política tem que caminhar no sentido da igualdade de possibilidades. Sociedade justa é aquela em que a geografia e a história da sua gestação não depende de onde você nasceu, 

 

 

mais outra do gordinho...

Delfim Neto diz que PT e Lula traíram Ciro em 2018 e elegeram Bolsonaro

Economista disse que ex-presidente definiu chapa com pedetista na cabeça e depois recuou com medo de não voltar ao poder

O economista e ex-ministro da Fazenda Delfim Neto disse, em entrevista ao programa "Conversa com Bial", na noite de segunda-feira, que o PT traiu Ciro Gomes e, assim, permitiu a eleição de Jair Bolsonaro à Presidência da República nas eleições de 2018. Segundo ele, Lula já havia definido a formação de uma chapa entre Ciro Gomes (PDT) e Fernando Haddad (PT), mas que acabou recuando depois, o que mudou a história da eleição.

"Lula tinha organizado (uma chapa com) Ciro como presidente e Haddad como vice-presidente. Os dois foram ao meu escritório, (o jornalista) Marcio Sergio Conti é testemunha e publicou meia página no "O Estado de S. Paulo". O objetivo era formular um programa de desenvolvimento do Brasil para sair da situação complicada em que se encontrava", disse Delfim, que considerava a candidatura de Ciro menos suscetível a críticas por parte de Bolsonaro.

"No fundo, se eles não tivessem traído o Ciro, o Ciro teria sido eleito. Eu não tenho nenhuma dúvida sobre isso (...) No final, o PT não teve a grandeza de ser o segundo na chapa. Eu acho que no fim ficou uma dificuldade de dizer: 'Se eu entrego pro Ciro o poder eu nunca mais volto pro poder'. Sabe Deus como funciona a cabeça das pessoas. mas seguranmente em 2018 o papel do PT também foi decisivo para a eleição do Bolsonaro. Porque o PT era um tumor de fixação contra o qual o Bolsonaro se atacava. Atacar o Ciro seria muito mais difícil e teria muito menor credibilidade porque o Ciro passou incólume pela Lava Jato", disse Delfim Neto.

 

e olha a teoria de que nunca pode subestimar a capacidade do bostilheiro insistir em ficar na merda...

https://www.correiobraziliense.com.br/app/noticia/politica/2020/07/24/interna_politica,875003/bolsonaro-vence-moro-lula-huck-ciro-haddad-em-2022-aponta-veja-parana.shtml

Share this post


Link to post
Share on other sites

Bolsonaro me usou como desculpa da anticorrupção, diz Moro

Ao 'Financial Times', ex-ministro da Justiça afirmou que governo não estava fazendo muito pelo combate à corrupção no Brasil

presidente-jair-bolsonaro-e-entao-minist

O ex-ministro da Justiça Sérgio Moro disse em entrevista ao jornal britânico Financial Times que o governo de Jair Bolsonaro usou sua presença na equipe ministerial como desculpa para demonstrar que medidas anticorrupção estariam sendo tomadas. O ex-ministro afirmou que o governo não estava fazendo muito e que esta agenda tem sofrido reveses desde 2018, quando Bolsonaro se elegeu.

"Uma das razões para eu sair do governo foi que não estava se fazendo muito (pela agenda anticorrupção)", disse Moro à publicação. "Eles estavam usando minha presença como uma desculpa, então eu saí. A agenda anticorrupção tem sofrido reveses desde 2018".

A FT lembrou que a saída de Moro foi marcada pela acusação de que o presidente Bolsonaro teria interferido politicamente na Polícia Federal. Um inquérito no Supremo Tribunal Federal investiga as declarações do ex-ministro.

Moro comentou que não se combate corrupção sem respeitar a lei e as instituições. "Ele mudou o diretor da Polícia Federal sem pedir minha opinião e sem uma boa causa. Não acho que dá para combater corrupção sem respeitar a lei e a autonomia das instituições que investigam e denunciam crimes."

Moro também comentou a aproximação de Bolsonaro com o Centrão, o "controverso bloco de partidos conhecidos por oferecer apoio em troca de cargos políticos", de acordo com o jornal. "No começo, o governo parecia evitar esse tipo de prática, mas hoje em dia não tenho tanta certeza".

Na semana passada, o Estadão mostrou que um dos motivos que fizeram integrantes do Centrão se aliarem a Bolsonaro é justamente o medo de uma possível candidatura presidencial de Moro em 2022. Sem um candidato próprio na direita ou mesmo da centro-direita, o grupo teme que um eventual afastamento de Bolsonaro fortaleça a eleição do ex-ministro caso Bolsonaro tenha o mandato interrompido ou em 2022. Quando era juiz da Lava Jato, Moro foi algoz de vários dirigentes do Centrão.

O ex-ministro também comentou sobre os vazamentos de mensagens atribuídas a ele a procuradores da Operação Lava Jato da época em que ele atuava como juiz federal em Curitiba. As mensagens divulgadas pelo jornal The Intercept Brasil "machucaram a reputação da operação", de acordo com a publicação. "Não reconheço a autenticidade daquelas mensagens. Não havia nada lá que pudesse comprometer o caso",:lula: afirmou Moro.

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

o moro entra no acordo com o bozo...

" vc me come e depois sera a minha vez"

Bozo comeu mas na vez do marreco o bozo meteu o pe ...:nag:

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Se pensar que o pacote que ele apresentou no início da candidatura nunca ia pra frente tem um pouco de lógica no que disse.

E tem também o que o Sonda disse.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Em live, blogueiro Allan dos Santos diz que deixou o Brasil

Alvo no inquérito das fake news diz que saiu do País para denunciar ministros do Supremo que estariam articulando golpe contra Bolsonaro

O blogueiro bolsonarista Allan dos Santos afirmou nesta quinta-feira, 30, que deixou o Brasil. Alvo de uma investigação em curso, no âmbito do inquérito das fake news, Santos disse, durante uma live organizada pela deputada federal Bia Kicis (PSL-DF), que deixou o País por questões de segurança, para poder denunciar ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) e um plano para derrubar o presidente Jair Bolsonaro :aecio:. A declaração foi feita nesta quinta-feira, 30.

"A única maneira de eu poder dar essa informação era de fora do país. Hoje eu estou fora do país, seguro, e estou aqui trazendo essa notícia para vocês", disse Allan dos Santos.  :dilma:

Sem apresentar provas, o blogueiro afirmou que Luís Roberto Barroso, presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), teria informações sobre grampos telefônicos feitos no País, com origem nas embaixadas da China, Coreia do Norte e na casa do advogado criminalista Antônio Carlos "Kakay". Os grampos teriam sido descobertos por uma empresa alemã, contratada por um funcionário do TSE. :lula:

"Por que eu estou dando essas informações? Porque eu estou fora do Brasil. Se eu ainda estivesse eu estaria com medo de morrer, porque estamos lidando com criminosos. Eu estou acusando Luis Roberto Barroso de prevaricação. Ele prevaricou. Ele tem informações de grampos telefônicos vindo de duas embaixadas, que é contra qualquer lei de segurança nacional, e não avisou o presidente da República", :lula: disse durante a live.

Allan dos Santos é um dos apoiadores do presidente que tiveram suas contas no Twitter e Facebook suspensas por determinação do ministro Alexandre de Moraes, que justificou o bloqueio temporário pela necessidade de 'interromper discursos criminosos de ódio'.

Segundo o blogueiro, que classifica o inquérito das fake news como censura, :lula:as operações para cumprimento de mandados de busca e apreensão em sua casa foram "provavelmente" feitas para colocar e retirar escutas telefônicas. O blogueiro diz que a intenção das autoridades seria "obter qualquer tipo de informação que pudesse criminalizar o presidente Bolsonaro e utilizar isso no TSE.":lula:

Santos também disse que, caso "alguma coisa" acontecesse com ele, os culpados seriam "a embaixada da China em Brasília, a embaixada da Coreia do Norte em Brasília, Kakay, que é do Partido dos Trabalhadores, Barroso ou Alexandre.":lula:

"Eu estou colocando minha vida em risco dando essa informação. Eu tenho essa informação e estou dando ela aqui para vocês. Eles querem cassar o presidente Bolsonaro, estão fazendo escuta telefônica".:aecio:

tenor.gif

Share this post


Link to post
Share on other sites
38 minutos atrás, sonda 2 disse:

O intercept " interceptou" o IP desse alan em 4 pontos em brasilia...

Olá,

Esse bando de bolsonaristas fanáticos é o mesmo bando que "criou" um post do tal do Felipe Neto associando o cara a pedofilia. Dona Globo News deitando e rolando no caso... coincidência ou não, as postagens contra o cara (que tem milhões de seguidores, vivia fazendo vídeos bem zoadinhos) quando ele ficou contra o mito. E piorou depois que ele deu entrevista para o NY Times afirmando que o Bolsonaro é o pior presidente no combate à pandemia.

Depois disso, ele virou "pedófilo" em 24 horas, em tudo quanto é rede.

 

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
Em 31/07/2020 at 17:33, rcaropreso disse:

Olá,

Esse bando de bolsonaristas fanáticos é o mesmo bando que "criou" um post do tal do Felipe Neto associando o cara a pedofilia. Dona Globo News deitando e rolando no caso... coincidência ou não, as postagens contra o cara (que tem milhões de seguidores, vivia fazendo vídeos bem zoadinhos) quando ele ficou contra o mito. E piorou depois que ele deu entrevista para o NY Times afirmando que o Bolsonaro é o pior presidente no combate à pandemia.

Depois disso, ele virou "pedófilo" em 24 horas, em tudo quanto é rede.

 

FN ta só provando do que cavou, a poucos meses ele acusou sem provas o outro YT que vinha "na pegada contra bozo" que era o PCSiqueira, tanto é que cara apagou tudo e sumiu, enquanto os "brothers" dele e grandes youtubes fizeram corrente de lixamento virtual.
Antes que venha um perdido falar que PC é culpado e eu estou querendo defender por ele "ser esquerdista", pra mim se provado, pode me chamar que sou primeiro a lançar a pedra, caso é que toda história contra o maluco é feita através de coisas estranhas feitas de forma bizarra, mais parecendo um fake armado para foder com cara do que qualquer outra coisa, como na internet um dos 4 cavaleiros do apocalipse é pedobear, usaram a carta e derrubaram o maluco.

Share this post


Link to post
Share on other sites
15 horas atrás, sonda 2 disse:

delicia...

Olá,

Aecio Neves, José Serra e os intocáveis do PSDB, até hoje... mesmo os citados na Lava Jato,  sequer foram julgados.

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Olá,

Não sei se existe alguém que ainda acredita que operação Lava Jato foi concebida para acabar com corrupção. Bastou rolar uns meses (ou até para ser mais tolerante, digamos os 2 primeiros ANOS).

Depois desse tempo dava pra ver que a operação mirava principalmente no PT (era o governo, obviamente teria mais problemas de fato) E eventualmente passava de RASPÃO em algum outro partido para dar "impressão de imparcialidade".

Foi extremamente notória a "ANSIEDADE" dos operadores da Lava Jato e da própria imprensa em ver o desfecho do caso do triplex com a possível e provável condenação do Lula. Hoje, bolsonaristas gado xingam a globo de ESQUERDISTA, mas nessa época do auge da  Lava Jato, o Bonner coçava as mãos pra falar feliz do Lula/Triplex/Sitio/Guaruja/Atibaia e afins.

 

Embora a eleição de 2018 tenha sido marcada pelo Anti-Petismo, mesmo assim o PT enfiou o Haddad no 2o turno e teve MUITOS VOTOS. Se fosse o Lula com sua "aura mágica", ele realmente tinha chance de derrotar o Bolsonaro.

 

Aliás, o caráter "temporário" da lava-jato ficou ainda mais evidente quando, menos de 2 anos depois da condenação do Lula, ele já foi "solto" (afinal o perigo da eleição de 2018 passou e garantidamente ele é ficha suja para 2022). Agora que a lava jato já perdeu sua função primordial ela pode ser dissolvida, como está sendo feito pelo governo atual com tanto vigor.

 

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
2 horas atrás, rcaropreso disse:

Olá,

Não sei se existe alguém que ainda acredita que operação Lava Jato foi concebida para acabar com corrupção. Bastou rolar uns meses (ou até para ser mais tolerante, digamos os 2 primeiros ANOS).

Depois desse tempo dava pra ver que a operação mirava principalmente no PT (era o governo, obviamente teria mais problemas de fato) E eventualmente passava de RASPÃO em algum outro partido para dar "impressão de imparcialidade".

Foi extremamente notória a "ANSIEDADE" dos operadores da Lava Jato e da própria imprensa em ver o desfecho do caso do triplex com a possível e provável condenação do Lula. Hoje, bolsonaristas gado xingam a globo de ESQUERDISTA, mas nessa época do auge da  Lava Jato, o Bonner coçava as mãos pra falar feliz do Lula/Triplex/Sitio/Guaruja/Atibaia e afins.

 

Embora a eleição de 2018 tenha sido marcada pelo Anti-Petismo, mesmo assim o PT enfiou o Haddad no 2o turno e teve MUITOS VOTOS. Se fosse o Lula com sua "aura mágica", ele realmente tinha chance de derrotar o Bolsonaro.

 

Aliás, o caráter "temporário" da lava-jato ficou ainda mais evidente quando, menos de 2 anos depois da condenação do Lula, ele já foi "solto" (afinal o perigo da eleição de 2018 passou e garantidamente ele é ficha suja para 2022). Agora que a lava jato já perdeu sua função primordial ela pode ser dissolvida, como está sendo feito pelo governo atual com tanto vigor.

 

Cara parece que vão descartar a delação do Paloci, se andar nesse ritmo até 2022 o Lula vira candidato de novo.
Parece que medo dos milicos é maior que dos comunas no fim do dia...

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...

×
×
  • Create New...