Sign in to follow this  
Followers 0
Minda

ESSE TÓPICO É PRA LOUVAR DE PÉ

269 posts in this topic

Membros da Congregação Cristã e empresa lançam produtos sensuais na 22ª Erótika Fair, que ocorre em São Paulo

Conquistar o direito de sentir prazer sexual – dentro do casamento entre homem e mulher, é claro – é o novo desafio da vanguarda evangélica após o abandono do modelo coque/saia e a criação do funk gospel. Para João Ribeiro e Lídia Ribeiro, membros da Congregação Cristã, uma das mais tradicionais do País, isso significa mais: ter um espaço nas prateleiras dos sexshops para produtos evangélicos. Eles apostam suas fichas na criação de uma linha voltada exclusivamente para o público religioso.

A procura de itens eróticos para apimentar a relação não é novidade no meio gospel. O iGmostrou que óleos de massagens e vibradores líquidos estão entre os produtos mais procurados pelos fiéis em sexshops. Mas o uso ainda é debatido dentro das igrejas. Para superar o tradicionalismo, os empresários tratam a nova linha, batizada In Heaven, como “novo segredo de um casamento feliz”. Os produtos serão lançados na 22ª Erótika Fair, principal feira do mercado erótico, realizada em São Paulo, entre 6 e 8 de março.

dl5mu2bdlep7btt3s5y1rxs0h.jpg
Casal Lídia Ribeiro e João Ribeiro, membros da Congregação Cristã e criadores da linha In Heaven

“O nosso stand [da feira] será dividido entre céu e inferno”, brinca Ribeiro, já que a linha dividirá espaço com produtos inspirados na trilogia "50 Tons de Cinza", que explora o sadomasoquismo e promete ser um dos temas mais explorados no evento.

Evangélicos e sexo: "Deus não se importa com o que o casal faz entre 4 paredes"

O rótulo discreto em branco com uma pomba dourada, clássico símbolo cristão, dá certo tom divino aos quatro primeiros produtos da In Heaven (No céu, em inglês). São eles: Pure (adstringente, que promove a sensação "virgem de novo"), Vibe (vibrador líquido), Mais Prazer (excitante feminino) e Mais Tempo (prolongador de ereção).

Ribeiro conta que a inspiração do nome veio da música "Cheek to Cheek", versão cantada por Ella Fitzgerald, ícone do jazz nos EUA. Ele acredita que a linha terá a mesma função da canção, "resgatando o romantismo entre os casais apaixonados".

743e5jnyk652i158kd152ocn4.jpg
3cipplxwwg9rwy9whz5ew8wtp.jpg
27jvjx5mbhrxnw932xyr7elyt.jpg
btdx1zuajrvquky9xl2rotljm.jpg
0mkp8ypd93atiuqwfikz6cx1q.jpg
0gfyyf46wdm0izkqompex1i42.jpg
88k04bd1wwezzmublzrd58jvj.jpg
3vbo3i3e38tlszz1946h6khxd.jpg
00rd8qjqrezg3j69wuv4nqxa0.jpg
1dk8axrj6vs972j9ipk1yk4sf.jpg
bws181wxzbgevbolypncrcrnp.jpg
83i96bpiaflsmin9c7evd0co6.jpg
cenogi6s3zffdr1e2hxylzxy2.jpg
100g11oypd5f9oix91yg4mm82.jpg
Com embalagem discreta, produtos da In Heaven leva ainda uma pomba dourada, clássico símbolo cristão. Foto: Carolina Garcia/iG São Paulo
1/7

“A ideia principal é que o casal se sinta à vontade para comprar e tenha a certeza de que não está sozinho. Não há motivo para vergonha. Somos 52 milhões de evangélicos no Brasil e não tínhamos uma linha específica”, explica Ribeiro, que ao lado da mulher comanda a sexshop Secret Toys, em Jandira (SP).

Produzidos e distribuídos pela INTT Cosméticos, a linha deve alcançar 20 itens nos próximos três meses. A diretora da marca, Alessandra Seitz, reconhece que apesar de fortes consumidores, os evangélicos não contavam com representação no mercado erótico. “Muitas vezes eles querem o produto, mas não compram porque tem uma algema no rótulo, por exemplo. Promover essas mudanças é uma forma de respeito com o consumidor evangélico”, defende.

O lançamento faz parte do Projeto Gospel, uma força-tarefa evangélica realizada pelo casal em parceria com a Associação Brasileira das Empresas do Mercado Erótico e Sensual (Abeme). Na feira, o livro Guia Gospel para Sexshops será vendido aos lojistas para promover o surgimento de lojas eróticas especializadas, com atendimento especial a religiosos.Cada bisnaga tem o preço sugerido de R$ 15 e deve estar disponível aos clientes ainda em março. Além da nova roupagem, os produtos contam com cheiro, princípios ativos e gosto mais suaves se comparados aos outros produtos eróticos do mercado. Para Alessandra, que não é evangélica, a nova linha deve incentivar outras empresas a produzirem linhas segmentadas. "Não dá para ignorar a força deles", justifica.

Já nas igrejas evangélicas, os autores do livro planejam percorrer encontros de casais, dar palestras e esclarecer o que a cosmética sensual pode fazer ao casamento. “Vamos discutir sexo e isso será feito de evangélico para evangélico. Não vamos mais ficar fora dessa”, conclui Ribeiro.

-------------------------------------------------

Eita disgrama! :nag:

0

Share this post


Link to post
Share on other sites

As meninas evangélicas que eu peguei davam demais, são muito fogosas, fogo urgido é o que dizem.

Por isso nada mais justos elas terem uma linha de vibros e outras coisas pecaminosas para o seu bel prazer.

0

Share this post


Link to post
Share on other sites

se for só pra casados...

0

Share this post


Link to post
Share on other sites

As meninas evangélicas que eu peguei davam demais, são muito fogosas, fogo urgido é o que dizem.

Por isso nada mais justos elas terem uma linha de vibros e outras coisas pecaminosas para o seu bel prazer.

z3un8o.jpg

5

Share this post


Link to post
Share on other sites

z3un8o.jpg

É as famosas "crentes da bunda quente"

0

Share this post


Link to post
Share on other sites

Comunidade Cristã do Brasil não é evangélico. É uma seita, ou seja, introduz outras publicações além da Bíblia para doutrinar seus fiéis... além disso, como é tradicional em seitas, apenas eles serão os salvos...

Não que evangélicos não possam usar de produtos para aquecer o ato conjugal, porém, podem ter certeza que não sera comprado em sex shop com cacete de borracha e filme pornô ali do lado, muito menos farão uso disso em motel...

Luo=-_

0

Share this post


Link to post
Share on other sites

Péssima notícia. Mais crentes transando, mais chances de se reproduzirem.

5

Share this post


Link to post
Share on other sites

As meninas evangélicas que eu peguei davam demais, são muito fogosas, fogo urgido é o que dizem.

Por isso nada mais justos elas terem uma linha de vibros e outras coisas pecaminosas para o seu bel prazer.

A minha última namorada era evangélica, tinha um fogo da peste. :iawww:

0

Share this post


Link to post
Share on other sites

Já ouvi falar dessas histórias de meninas doutrinadas e que eram super safadas. Tem uma que passa na frente da minha casa e usa roupas e cabelo padrão evangélico, mas é muito gostosa, a roupa não esconde ou ela sabe mesclar roupa evangélica e corpão.

0

Share this post


Link to post
Share on other sites

Péssima notícia. Mais crentes transando, mais chances de se reproduzirem.

Amém

0

Share this post


Link to post
Share on other sites

Péssima notícia. Mais crentes transando, mais chances de se reproduzirem.

ibyA5RMmmIaIHN.png

mjlolwiovf.png

0

Share this post


Link to post
Share on other sites

Sempre ri dos evangélicos chamando os outros grupos de seitas, é hilário.

1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Sempre ri dos evangélicos chamando os outros grupos de seitas, é hilário.

CALMA CARA!

0

Share this post


Link to post
Share on other sites

CALMA CARA!

Tenho pipoca ungida pela "igreja não seita da esquina", não me estresso mais. :minda:

0

Share this post


Link to post
Share on other sites

Semana passad ou retrasada teve aqui na "catedral da fé " um evento onde pingavam 3 gotas de uma água que era sagrada (de israel a água estavam falando hahaha )

Parece que pinGavam uma no início e vc pagava uma quantia, acho que era 50 ou 100 reais, daí a segunda era na metade do evento e a terceira no final, mas pra cada uma vc tinha que pagar mais do que pagou antes, afinal vc estaria sendo abençoado por 3x né (provavelmente a água ficou na alfandega,teve taxa... lol)

0

Share this post


Link to post
Share on other sites

Tenho pipoca ungida pela "igreja não seita da esquina", não me estresso mais. :minda:

Pipoca abençoada**!

Semana passad ou retrasada teve aqui na "catedral da fé " um evento onde pingavam 3 gotas de uma água que era sagrada (de israel a água estavam falando hahaha )

Parece que pinGavam uma no início e vc pagava uma quantia, acho que era 50 ou 100 reais, daí a segunda era na metade do evento e a terceira no final, mas pra cada uma vc tinha que pagar mais do que pagou antes, afinal vc estaria sendo abençoado por 3x né (provavelmente a água ficou na alfandega,teve taxa... lol)

É um negocio lucrativo hein, ainda mais aqui no huezil onde o povo acredita em tudo.

Edited by Nightmare
0

Share this post


Link to post
Share on other sites

Eh genial, o merdilheiro eh o povo perfeito para ser gado de estelionatario. Eh massa que eles tem prazer em te pagar se vc fala que é de deus

0

Share this post


Link to post
Share on other sites

Sempre ri dos evangélicos chamando os outros grupos de seitas, é hilário.

Já eu não dou risada mas 'se divirto' de quem fala do que não entende... :)

Luo=-_

1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Eh genial, o merdilheiro eh o povo perfeito para ser gado de estelionatario. Eh massa que eles tem prazer em te pagar se vc fala que é de deus

Bem dessa, o cara pra ser um pastor da vida e fundar uma igrejinha não precisa de muito, é um empreendedorismo com retorno a curto prazo.

0

Share this post


Link to post
Share on other sites

Já eu não dou risada mas 'se divirto' de quem fala do que não entende... :)

Luo=-_

Certamente. :)

0

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!


Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.


Sign In Now
Sign in to follow this  
Followers 0