Jump to content

Filmes e Séries... estreias, comentarios e assuntos em geral sobre o cinema


MR Zumbi
 Share

Recommended Posts

Em 06/10/2021 at 13:53, Luiz Claw disse:

Essa é a segunda série que eu e minha mulher conseguimos ver juntos. A maioria um de nós 2 desistimos.

Aqui em casa eu e a mulher fazíamos tempo que não assistiamos uma série juntos. 

Depois de tanto falarem de round 6 decidimos acompanhar, e achamos muito boa, assistimos 5 capítulos um atrás do outro. 

  • Like 1
  • Upvote 1
Link to comment
Share on other sites

Em 07/10/2021 at 15:55, Jin Kazama disse:

O saldo final da série é bem positiva. Agora resta esperar pela segunda temporada e ver se algum elemento vai para o live action. 

Concordo plenamente.

Para mim estava bem meia boca com alguns episódios se salvando, mas o final salvou a série, muito bom mesmo.

  • Upvote 1
Link to comment
Share on other sites

Central Pandora falam nesse vídeo, sobre os filmes antigos que usaram o gênero Battle Royale, e um deles Corrida da Morte de 1975 até foi de inspiração para o game Carmageddon acontecer
 


Falow!!!

Edited by Zariel
Link to comment
Share on other sites

7 horas atrás, MR Zumbi disse:

Caminhos-da-Memoria-820x430.jpg

 

Assisti na HBO MAX e achei de certa maneira até bacana.....
Não é uma obra prima mas no meio de tanta porcaria ultimamente até que vale a pena

Away

 

Tambem gostei do filme, principalmente por me surpreender, ele faz vc pensar uma coisa o filme todo, depois muda tudo.

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

Assisti a 2 filmes clássicos da porradaria que recomendo muito, e podem assisti-los nesse link abaixo se não acharem em plataformas de streaming ou torrent que estejam acostumados.

https://www.filmesonline.stream/faca-a-busca-por-filmes-series-ou-atores?q=lutador+de+rua

 

Punhos de aço com Clint Eastwood, é um ótimo filme de porradaria e comédia de 1980 (no estilo bud Spencer e Terrence Hill), e vi aqui nesse filme, muita coisa que foi de fonte de inspiração para muitos beat ‘em ups dos anos 80 e 90

zrSFAAZzUUWKUXYwwOY9MGK8MX9.jpg

 

Hard Times (Lutador de rua) com Charles Bronson, é um de 1975 e tem muitas cenas boas de lutas também, além de 2 cenários que foram inspiração para 2 cenários de Street Fighter 2.

mdPkVDvMqqmg5cJLRF5deXhzdyY.jpg

O primeiro cenário é numa luta num porto e barcos com pessoas torcendo, similar ao cenário do Ken... além disso o careca grandão usa alguns ganchos e cabeçadas que lembram muito os de Haggar em Final Fight, além de usar uma calça com suspensórios, embora baixos...Outra coisa interessante, é que o cara que apanha lembra muito o Bred.


O segundo cenário, mostra um lugar cercado com o pessoal em plataformas torcendo, bem similar ao cenário do Zangief


Assim como esses filmes, recentemente também re-assisti ao The Warriors e Street of Fire...estou na pegada de assistir filmes que envolvam porradaria, pois além de serem bons são de motivação e referencia para mim porque no momento estou desenvolvendo um Game de Beat 'em up mais puxado para o lado de Final Fight.
 

Falow!!!

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

amazon-prime-video-suzane-von-richthofen

Tive que ver os dois, pq obivamente a mulher nao quis ver so um. por mim nao veria nenhum.

o "a menina" é o lado do piá no depoimento. o "o menino" é a versao contada pela suzane no depoimento.

os dois tem producao até q boa para um filme nacional, o casal principal nao é ruim mas vê-se que nao tem muita experiencia. o resto atua ate q bem, nada demais, só fazem seu papel e é isso. na verdade a historia em si por tras de tudo nao é muito interessante, nao tinha muito o q fazer.

tem tmb as partes sacais, tipo os dois se pegando e as baladas (que felizmente sao poucas). trilha sonora passavel.

nao sao exatamente ruins, apenas mediocres

nota 5,5 pros dois.

se for pra indicar um, veja o "a menina", pq eu achei q este dá mais detalhes do ocorrido (sendo verdade ou nao, ja q cada um é uma versao).

detalhe importante pelo bem da ciencia: os dois tem peitinhos. no "o menino", aparece mais. a bunda da "suzane" vale o tempo de espera tmb :lula:

Edited by burn
  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

No Time To Die: When will the film be available to stream in the UK?

Assisti anteontem no cinema o 007 - Sem tempo para morrer.

 

Curti bastante, é um filme do Bond com elementos clássicos (carrão, luxo, cenas de ação mentirosas, mulher bonita, gadgets...) mas a melhor sequência de ação na minha opinião é a inicial, depois veio o enredo, e o objetivo foi mesmo de dar um encerramento pro James Bond do Daniel Craig, e conseguiram fazer muito bem. Me surpreendi positivamente com o filme.

Ponto negativo de sempre. Na porra do cinema só tinha dublado, e, mais uma vez, o som fica desbalanceado, com vozes muito baixas perto dos efeitos e sons ambientes. E não adianta, por mais que a dublagem seja boa, filme dublado fica muito pastelão.

  • Like 1
  • Upvote 1
Link to comment
Share on other sites

Em 07/10/2021 at 13:56, Luiz Claw disse:

 

Cara, a ideia do Round 6 pode não ser original. Mas ali tem muita coisa que faz o roteiro ser foda! E muito do sucesso está por os personagens passarem dramas que são medos ou problemas reais de muita gente. Como o protagonista que trabalhou por mais de 10 anos em um lugar, foi demitido, e não consegue se reerguer. Tem mãe idosa sem plano de saúde, e filha pequena. Está fodido de grana.

Tem uma pegada de te imergir em no fundo do poço do mundo real, e, de forma misteriosa, começa te apresentar uma parte do mundo incomum, interessante, até que no susto, se torna bizarro! É uma experiência bacana! A parada prende! O roteiro tem muito peso antes de chegar no Battle Royale. E atende um publico que quer ver um terrozinho não protagonizado por adolescente idiotas - ou adultos com cabeça de adolescente.

 

Eu acabei de assistir a série no final de semana. Achei muito legal! Não costumo ficar muito fissurado nessas séries que tá todo mundo assistindo e falando, porém essa eu achei bem bacana.

Inclusive gostei bastante de terem dado um final pra série, mesmo que tenham deixado um gancho para continuá-la. Não foi como La Casa de Papel que a primeira temporada realmente não teve fim. No caso de Round 6 eu considerei que deram um final bem satisfatório e inesperado, ao mesmo tempo que deixaram aquela "peninha" pra darem uma continuidade.

A série realmente me prendeu do início ao fim, e não achei nada genérica ou previsível (apesar que não sou nenhum entusiasta de cinema). O personagem principal no começo me irritava um pouco, mas com o passar dos episódios a gente aprende até a gostar um pouco dele, porém simpatizei mais com outros secundários.

Enfim, valeu bastante a pena ter assistido. Vou procurar alguma outra coisa agora.

Link to comment
Share on other sites

13 minutos atrás, setzer disse:

 

Eu acabei de assistir a série no final de semana. Achei muito legal! Não costumo ficar muito fissurado nessas séries que tá todo mundo assistindo e falando, porém essa eu achei bem bacana.

Inclusive gostei bastante de terem dado um final pra série, mesmo que tenham deixado um gancho para continuá-la. Não foi como La Casa de Papel que a primeira temporada realmente não teve fim. No caso de Round 6 eu considerei que deram um final bem satisfatório e inesperado, ao mesmo tempo que deixaram aquela "peninha" pra darem uma continuidade.

A série realmente me prendeu do início ao fim, e não achei nada genérica ou previsível (apesar que não sou nenhum entusiasta de cinema). O personagem principal no começo me irritava um pouco, mas com o passar dos episódios a gente aprende até a gostar um pouco dele, porém simpatizei mais com outros secundários.

Enfim, valeu bastante a pena ter assistido. Vou procurar alguma outra coisa agora.

Sim! O final é muito bom!

Spoiler

Tipo, quando começou a brincadeira do batatinha frita e as pessoas começaram a morrer no desespero, o velho veio todo sorridente brincando, como se a demência já tivesse sequelado completamente com ele. Ver aquela cena foi legal! Era uma ironia foda!

Depois, com o final revelador, sabemos que o velho não apenas não estava sequelado, como era o cabeça. Até quando ele estava agindo como lesado no jogo da bolinha de gude, ele apenas estava tentando fugir na armação.

 

O filme tem muito disso, faze você formar ideia de um personagem, mas no fim, ele não era aquilo. Até mesmo o protagonista. No início pensamos que ele é um completo irresponsável egoísta. Um malandrão que ficou velho. Um cara tão burro e largado, que quando finalmente ganhou em um jogo de sorte, perdeu o dinheiro por vestir uma roupa com bolso rasgado.

Depois, na verdade, é revelado que a menina que rasgou o bolso dele na habilidade ninja para roubá-lo. E ele foi inteligente para conseguir deduzir isso. Foi inteligente para deixar o chefe da mafiazinha com medo dos amigos.

Ele na verdade não era tão egoísta e irresponsável. Ao contrário! Ele era empático pra caralho! O tempo todo se preocupando com os outros no jogo. Talvez tenha sido o motivo para o negócio dele falir no passado! Para ser empreendedor, tem que ser um pouco filho da puta. E lembrando que ele ficou mais de 10 anos trabalhando em uma empresa. Assim, talvez ele apenas ficou naquela fossa por ter dado tudo errado já meio velho.

 

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

6 minutos atrás, Luiz Claw disse:

Sim! O final é muito bom!

  Ocultar conteúdo

Tipo, quando começou a brincadeira do batatinha frita e as pessoas começaram a morrer no desespero, o velho veio todo sorridente brincando, como se a demência já tivesse sequelado completamente com ele. Ver aquela cena foi legal! Era uma ironia foda!

Depois, com o final revelador, sabemos que o velho não apenas não estava sequelado, como era o cabeça. Até quando ele estava agindo como lesado no jogo da bolinha de gude, ele apenas estava tentando fugir na armação.

 

O filme tem muito disso, faze você formar ideia de um personagem, mas no fim, ele não era aquilo. Até mesmo o protagonista. No início pensamos que ele é um completo irresponsável egoísta. Um malandrão que ficou velho. Um cara tão burro e largado, que quando finalmente ganhou em um jogo de sorte, perdeu o dinheiro por vestir uma roupa com bolso rasgado.

Depois, na verdade, é revelado que a menina que rasgou o bolso dele na habilidade ninja para roubá-lo. E ele foi inteligente para conseguir deduzir isso. Foi inteligente para deixar o chefe da mafiazinha com medo dos amigos.

Ele na verdade não era tão egoísta e irresponsável. Ao contrário! Ele era empático pra caralho! O tempo todo se preocupando com os outros no jogo. Talvez tenha sido o motivo para o negócio dele falir no passado! Para ser empreendedor, tem que ser um pouco filho da puta. E lembrando que ele ficou mais de 10 anos trabalhando em uma empresa. Assim, talvez ele apenas ficou naquela fossa por ter dado tudo errado já meio velho.

 

 

Spoiler

Exatamente! Curto esse lance das coisas irem se revelando totalmente contrárias ao que pareciam, com o passar dos episódios.

Costuma me irritar muito uma mania que muitas séries de hoje em dia tem, que é de te deixar sem explicações para várias coisas, coisa que não acontece em Round 6. Tudo é explicado, e ainda por cima de forma totalmente inesperada.

Interessante também aquele personagem que a vizinhança pensava ser super bem sucedido se revelar um fdp em alguns momentos.

Já aquela japonesa/ladra que parece ser super fria e calculista, na verdade se vê que tinha bom coração.

 

Link to comment
Share on other sites

2 horas atrás, Daileon disse:

No Time To Die: When will the film be available to stream in the UK?

Assisti anteontem no cinema o 007 - Sem tempo para morrer.

 

Curti bastante, é um filme do Bond com elementos clássicos (carrão, luxo, cenas de ação mentirosas, mulher bonita, gadgets...) mas a melhor sequência de ação na minha opinião é a inicial, depois veio o enredo, e o objetivo foi mesmo de dar um encerramento pro James Bond do Daniel Craig, e conseguiram fazer muito bem. Me surpreendi positivamente com o filme.

Ponto negativo de sempre. Na porra do cinema só tinha dublado, e, mais uma vez, o som fica desbalanceado, com vozes muito baixas perto dos efeitos e sons ambientes. E não adianta, por mais que a dublagem seja boa, filme dublado fica muito pastelão.

Achei mediano, com exceção do vilão, este sim patético, o pior da franquia da fase Craig. Até o do Quantum of solace era mais interessante

E o pior disso tudo é que não foi culpa do ator, pq obviamente ele é bom.

Link to comment
Share on other sites

4 horas atrás, setzer disse:

 

  Ocultar conteúdo

Exatamente! Curto esse lance das coisas irem se revelando totalmente contrárias ao que pareciam, com o passar dos episódios.

Costuma me irritar muito uma mania que muitas séries de hoje em dia tem, que é de te deixar sem explicações para várias coisas, coisa que não acontece em Round 6. Tudo é explicado, e ainda por cima de forma totalmente inesperada.

Interessante também aquele personagem que a vizinhança pensava ser super bem sucedido se revelar um fdp em alguns momentos.

Já aquela japonesa/ladra que parece ser super fria e calculista, na verdade se vê que tinha bom coração.

 

Spoiler

A morte dela foi foda! Finalmente o maluco empático começou a ganhar a confiança dela, quando a mesma não confiava em ninguém - muito provavelmente por ter fugido da Coreia do Norte indo para a do Sul sem conhecer ninguém, formando primeiras amizades com bandidos. E o protagonista todo empático, já todo sensibilizado com a morte do velho - ele teve culpa, - via nela uma menininha completamente desolada da vida, e, tentou cativar alguma inocência amigável nela.

 

Esse cara super bem sucedido, uma hora aparece numa banheira, dando a entender que ele iria comer suicídio - se não me engano, Jim Morrisson morreu assim. Isso foi outra parada foda! Para ele, seria muito mais fácil morrer ali. Mas ele entrou no jogo pela mãe dele. Matou e trapaceou pela mãe - já que ele fez ela perder a casa e a loja. Ele parecia todo psicopata. Mas não era.

 

Acho que foi a primeira vez em um filme/série que curti esse lance de revelar que a pessoa é outra. Em outras que vi, foi meio ruim, até em casos que a produção e o roteiro como um todo são muito bons - Braking Bad e Amnésia.

 

Essa parada de ter todos os personagens extremamente endividados e na merda também foi genial! É uma forma de todos testarem seus limites morais por estarem uma situação bizarra. E não é uma parada forçada, que aconteceu por coincidência. A organização procurou por eles! Muito foda a séria! Tudo faz um certo sentido, mesmo sendo bizarro! Até a motivação dos bandidos faz sentido e não é clichê!

 

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...
 Share

×
×
  • Create New...