Jump to content
setzer

Os video games antigamente eram mais legais ou nós que ficamos chatos?

Os video games antigamente eram mais legais ou nós que ficamos chatos?  

29 members have voted

  1. 1. Os video games antigamente eram mais legais ou nós que ficamos chatos?

    • Eram, sim, mais legais!
    • Está a mesma coisa, nós é que ficamos velhos chatos
    • Ambas respostas acima estão corretas


Recommended Posts

Galera, olhando aquele tópico dos vídeos antigos daquele programa de TV onde algumas lojas especializadas em video game anunciavam seus produtos, me veio várias coisas à cabeça (que as vezes eu teimo em esquecer):

Vamos relembrar o tanto de marcas que entraram no mercado de games entre a época dos 8 e 32 bits: tínhamos Atari, Panasonic, Sega, Nintendo, Sony, SNK, e etc!

Ou mesmo vamos pensar no tanto de consoles que a mesma fabricante mantinha ao mesmo tempo: a Nintendo mantinha seu NES, enquanto arriscava com o SNES, Game Boy, Virtual Boy... a Sega mantinha o Master e arriscava com Mega Drive, Sega CD, 32X, Game Gear, etc!

Tá, muitos vão dizer: "e qual a novidade nisso tudo?". Claro que nenhuma, mas as vezes a gente se esquece de tudo. Olha como o mercado de games ficou estagnado com apenas 3 marcas, sendo que duas delas fazem praticamente a mesmíssima coisa. Xbox e Playstation são praticamente o mesmo video game desde a geração passada. Tirando pouquíssimos exclusivos que saem para um ou outro, os jogos são 99% os mesmos. Assim como o PC também entrou nessa dança, sendo que antigamente praticamente era outra plataforma totalmente diferente dos consoles de mesa.

Outro fato que é legal pontuar, é que mesmo quando vinha uma nova geração de consoles, a antiga não era imediatamente abandonada, coisa que acontece hoje em dia.

Aí eu me pergunto: era ou não era tudo mais variado e legal antigamente? Ou será que só virei um tiozão que, como todos os tiozões, sempre vai dizer: "ah! mas na minha época...!"

Share this post


Link to post
Share on other sites
Posted (edited)

Acho que eram bem mais legais por se arriscarem! Tanto empresas consolidadas e novas,  pois estas vinham e traziam inovações desde mídias, periféricos e tudo mais. Hoje se uma nova entrante surgir, ou será para o estilo casual games por causa do seu hard ou como uma android box like.

Só  pensar no Stadia... ele veio com uma nova promessa de novo formato de game, processamento e nada de decolar! Na história dos games tivemos empresas que vieram trazer novidades como os consoles de CD, Midia prioritária,  gráfico 3D etc. E as que estavam no mercado com idéias de periféricos, add ons e tudo e se vendia. E pensa que era uma época que não tinha uso de teste, era assim: quer testar? compra. rsrs

E se estou ficando velho e chato sai du meu fórum

 
Edited by Hill top zone
  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

tenho opiniao parecida com a do hill

a industria virou um negocio bilionario e esta sendo regida por acionistas e marketeiros. nao que isso nao ocorresse antes pontualmente, mas contemporaneamente, virou a normalidade do negocio

fora isso agora procuram ficar se adaptando às causas sociais da moda e esquecem do que realmente importa em um jogo. nao dao espaco a nada q possa sair dessa regra. acho uma merda essa politizacao de tudo

outra coisa q eu odeio é a quase totalizacao das trilhas sonoras epicas e orquestradas. qualquer jogo agora adota isso, ate puzzle de mobile e jogo de japa punheta :lula:

por isso permaneco 98% do tempo nos indies e retros

pra nao expor so pontos negativos, acho muito boa a tendencia de revitalizar jogos consagrados com tecnologias novas, tipo o quake 2 com rtx e remakes fodas tipo black mesa.

muito bom mesmo isso

  • Like 3

Share this post


Link to post
Share on other sites

Que a gente envelhece e ficamos mais chato, isso é obvio.Agora, na parte videogamelistica, eu acredito que ficamos exigentes.Vimos no passado, jogos de poucos megas nos encantar, prender nossa atenção, e você fechava o jogo várias vezes e não cansava de querer mais.

Hoje em dia, tem jogos que custam um rim, longo, as vezes te toma da sua paciência, graficamente maravilhoso, mas não cativa mais como antigamente.

Acho que a fase da vida também não ajuda.Já vimos muita coisa boa e ruim em jogos.

Mas que os mais velhinhos eram melhores, ah! Isso era.

  • Like 2
  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Quando a pessoa chega no 30, 40 anos, ela já jogou tanta coisa que fica difícil aparecer algo novo que empolgue. Nesse ponto é tudo repetição das fórmulas, por isso que nós ficamos mais chatos e difíceis de agradar.

E isso não acontece só com jogo, pode ver que filmes, música, livros, programas de tv e etc, tudo fica mais chato com o passar do tempo e cada vez mais difícil de achar algo que gostamos.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
1 hora atrás, burn disse:

tenho opiniao parecida com a do hill

a industria virou um negocio bilionario e esta sendo regida por acionistas e marketeiros. nao que isso nao ocorresse antes pontualmente, mas contemporaneamente, virou a normalidade do negocio

 

Também aquela: virou algo mais corporativo e menos criativo em muitos dos casos.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Nós pegamos a época de inovação entre nes/master até PS2. Depois disto entrou na mesmice. Então sim, antes era melhor, por ser novo. E sim, estamos mais velhos e chatos.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Ambas as respostas estão corretas de certa forma pra mim.

Mas eu ainda me encanto jogando um excelente jogo novo, tal como me encantei com Alex Kidd ou SMB3 ha 10 mil anos atrás.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
2 horas atrás, Maedhros disse:

Quando a pessoa chega no 30, 40 anos, ela já jogou tanta coisa que fica difícil aparecer algo novo que empolgue. Nesse ponto é tudo repetição das fórmulas, por isso que nós ficamos mais chatos e difíceis de agradar.

E isso não acontece só com jogo, pode ver que filmes, música, livros, programas de tv e etc, tudo fica mais chato com o passar do tempo e cada vez mais difícil de achar algo que gostamos.

Mas eu te pergunto, o que chegou de inovador além de engines gráficas que as produtoras usam sets já prontos de coisas que os hardwares podem fazer? 

Se me recordo, o de inovador do One foi o controle com o gatilho que vibra e o Touch no Ps4. O jogo Online já existia, houve aprimoramentos acredito.

 

1 hora atrás, Lupino disse:

Nós pegamos a época de inovação entre nes/master até PS2. Depois disto entrou na mesmice. Então sim, antes era melhor, por ser novo. E sim, estamos mais velhos e chatos.

Acredito nisso.

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Eu vejo que quem ficou chato no fim das contas foi a tal inovação.
Cara, na minha sala, como a de muitos aqui (acredito), tem um PS4 ou X1 cheio de jogos.
Mas que só não passa meses pegando poeira por causa dos meus filhos.
Ainda me divirto mais jogando Golden Axe, Rock in Roll Racing, Streets of Rage e outros.
Esses dias zerei Final Fight de Sharp x68000, emulando no XBOX, que coisa divina!

  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

Tudo antes era mais emocionante. Hoje os cara só sabe reclamar de poder do HW, ai não programa nada de boas. Antigamente os caras faziam milagre, e era uma concorrência que sempre gerava bons frutos. 

Sem contar que hoje tudo que sai é tão genérico e por um preço tão alto que nem vale o investimento.

  • Like 4

Share this post


Link to post
Share on other sites

Boas lenbrancas que tinha ao ver alien soldier e pensar quebera um jogo de neo geo ao ve-lo...

De ver yoshi island e recusar que equele primor visual estava rodando num snes...

Share this post


Link to post
Share on other sites

Também fico pensando ao ver vídeos assim, mas mesmo ficando velho e chato, a mesma coisa não está, isso pra games, música, futebol, etc.

A impressão que tenho é que a diversão dos jogos agora é o online e o conteúdo já não é tão importante como antes.

Acho que no ápice, que considero décadas de 80 e 90, a tecnologia meio que limitava a criatividade e os grandes jogos eram os quebravam essa "barreira"...hoje parece que não se sabe exatamente o que fazer com tecnologia disponível, até pelo investimento ser muito maior com menos chance de erro, por isso poucas empresas sobraram.

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
7 horas atrás, Hill top zone disse:

Mas eu te pergunto, o que chegou de inovador além de engines gráficas que as produtoras usam sets já prontos de coisas que os hardwares podem fazer? 

Se me recordo, o de inovador do One foi o controle com o gatilho que vibra e o Touch no Ps4. O jogo Online já existia, houve aprimoramentos acredito.

De jogos o que teve de mais inovador nos últimos tempos foi a série Dark Souls e o Battle Royale. Do resto é  mesma fórmula de sempre.

Share this post


Link to post
Share on other sites
17 horas atrás, Maedhros disse:

Quando a pessoa chega no 30, 40 anos, ela já jogou tanta coisa que fica difícil aparecer algo novo que empolgue. Nesse ponto é tudo repetição das fórmulas, por isso que nós ficamos mais chatos e difíceis de agradar.

E isso não acontece só com jogo, pode ver que filmes, música, livros, programas de tv e etc, tudo fica mais chato com o passar do tempo e cada vez mais difícil de achar algo que gostamos.

Basicamente é isso.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Acho que estamos numa época em tanto não existe mais nenhuma marca que queira arriscar entrar no mercado de consoles caseiros, como também não há softhouses que queiram arriscar em produzir jogos diferentes dos formatos já consagrados.

Share this post


Link to post
Share on other sites
21 horas atrás, richter696 disse:

Tudo antes era mais emocionante. Hoje os cara só sabe reclamar de poder do HW, ai não programa nada de boas. Antigamente os caras faziam milagre, e era uma concorrência que sempre gerava bons frutos. 

Sem contar que hoje tudo que sai é tão genérico e por um preço tão alto que nem vale o investimento.

Estava vendo um estudo que para o ser humano, quanto maior a capacidade de algo mais ele deseja e logo ele reclama.  Exemplo um carro, o que vc tinha fazia 100km  e agora arruma um que faz 150km. Você conquistou um carro com uma potência bem maior que o anterior, mas logo reclama e quer um que faça 180km. Meio que não se satisfaz. Isso me lembra pessoas reclamando de HD's . Mesmo que os arquivos sejam de maior tamanho, reclamavam que só tinha HD de 1tb. 

16 horas atrás, Omega Rugal disse:

Também fico pensando ao ver vídeos assim, mas mesmo ficando velho e chato, a mesma coisa não está, isso pra games, música, futebol, etc.

A impressão que tenho é que a diversão dos jogos agora é o online e o conteúdo já não é tão importante como antes.

Acho que no ápice, que considero décadas de 80 e 90, a tecnologia meio que limitava a criatividade e os grandes jogos eram os quebravam essa "barreira"...hoje parece que não se sabe exatamente o que fazer com tecnologia disponível, até pelo investimento ser muito maior com menos chance de erro, por isso poucas empresas sobraram.

 

Eu concordo, pra mim quanto maior a limitação, parece que os seres humanos querem superar e entregar algo a mais. 

16 horas atrás, Maedhros disse:

De jogos o que teve de mais inovador nos últimos tempos foi a série Dark Souls e o Battle Royale. Do resto é  mesma fórmula de sempre.

Mas o DS é um estilo que já tinha, tipo um Ninja Gaiden do Xibocão, GOW do PS2, Chakan do Mega (rsrs)  não?

 

2 horas atrás, setzer disse:

Acho que estamos numa época em tanto não existe mais nenhuma marca que queira arriscar entrar no mercado de consoles caseiros, como também não há softhouses que queiram arriscar em produzir jogos diferentes dos formatos já consagrados.

Penso que não querem se arriscar pelo alto custo de produção que os games de hoje tem, ficando certa inovação para desenvolvedores independentes que precisam de além de um jogo legal, algo fora da linha. E com os novos consoles, os jogos ficarão mais caros para serem produzidos e revendidos eu duvido que as grandes vão fazer coisas diferentes. 

Share this post


Link to post
Share on other sites
2 horas atrás, Hill top zone disse:

Estava vendo um estudo que para o ser humano, quanto maior a capacidade de algo mais ele deseja e logo ele reclama.  Exemplo um carro, o que vc tinha fazia 100km  e agora arruma um que faz 150km. Você conquistou um carro com uma potência bem maior que o anterior, mas logo reclama e quer um que faça 180km. Meio que não se satisfaz. Isso me lembra pessoas reclamando de HD's . Mesmo que os arquivos sejam de maior tamanho, reclamavam que só tinha HD de 1tb. 

Eu concordo, pra mim quanto maior a limitação, parece que os seres humanos querem superar e entregar algo a mais. 

images?q=tbn:ANd9GcR7qUooeVpymDOUBvF7Dlj

Share this post


Link to post
Share on other sites
3 horas atrás, Hill top zone disse:

Mas o DS é um estilo que já tinha, tipo um Ninja Gaiden do Xibocão, GOW do PS2, Chakan do Mega (rsrs)  não?

Dark Souls é um action rpg, mas o jeito que as mecânicas dele funcionam e principalmente a parte online, foram bem inovadoras para a época.

Tanto que criou um estilo próprio que todo mundo tenta copiar hoje em dia.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Era mais legal PARA MIM antigamente e sabe porque?...

POR QUE TINHA VIDEO-GAME NOVO DA SEGA E EU SENTAVA NA FRENTE DA TV LIGAVA E JOGAVA SEM SENTIR DOR NAS COSTAS :'(

POR QUE EU NAO PRECISAVA TER UM AMBIENTE CLIMATIZADO E UMA REDE ELETRICA ESTABILIZADA ELETRONICAMENTE PARA O VIDEO-GAME NAO SUPER AQUECER OU DAR ERROR 006DURA6M0L3 NA TELA DA TV E O CARA DA MANUTENÇÃO DIZER (SUPER AQUECEU O PROCESSADOR FERA) E PAGAR O PRECO DE OUTRO :-/

POR QUE SE EU DERRUBA-SE O CONTROLE NO CHAO NAO PAGAVA O PRECO DE UM JOGO POR OUTRO ORIGINAL PODERIA USAR ALTERNATIVO U_U

PRONTO FALEI =_=

:b0:

 

  • Like 2
  • Upvote 2

Share this post


Link to post
Share on other sites
45 minutos atrás, Dav disse:

SUPER AQUECEU O PROCESSADOR FERA

ImmaculateMassiveChick-size_restricted.g

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
14 horas atrás, Dav disse:

Era mais legal PARA MIM antigamente e sabe porque?...

POR QUE TINHA VIDEO-GAME NOVO DA SEGA E EU SENTAVA NA FRENTE DA TV LIGAVA E JOGAVA SEM SENTIR DOR NAS COSTAS :'(

POR QUE EU NAO PRECISAVA TER UM AMBIENTE CLIMATIZADO E UMA REDE ELETRICA ESTABILIZADA ELETRONICAMENTE PARA O VIDEO-GAME NAO SUPER AQUECER OU DAR ERROR 006DURA6M0L3 NA TELA DA TV E O CARA DA MANUTENÇÃO DIZER (SUPER AQUECEU O PROCESSADOR FERA) E PAGAR O PRECO DE OUTRO :-/

POR QUE SE EU DERRUBA-SE O CONTROLE NO CHAO NAO PAGAVA O PRECO DE UM JOGO POR OUTRO ORIGINAL PODERIA USAR ALTERNATIVO U_U

PRONTO FALEI =_=

:b0:

 

Pina esta resposta pois ela resolveu todas as questões!

 

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Games de antigamente, como tinham limitação de gráficos e memória, as devs se concentravam mais no desafio e na inteligência artificial...por isso que dava mais prazer jogar....hoje temos gráficos surrealistas e muitas vezes games super bugados, repetitivos e chatos...claro que temos exceções, mas são poucas...e devs indies que tentam explorar essas características dos games antigos

 

Ps: Estou velho, mas sempre fui chato!!

Falow!!!

Share this post


Link to post
Share on other sites
Posted (edited)

As duas coisas.

Ficamos mais chatos e rabugentos quando mais velhos mas a impressão que dá é que também os jogos eram melhores.

Jogo atual nenhum me atrai, são muito poucos (como Dark Souls); Só não sei se porquê os jogos estão de fato ruins ou eu é que estou velho mesmo.

Edited by didigoBR

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...

×
×
  • Create New...